Tamanho do texto

Depois de ir treinar nos Estados Unidos, atacante se recuperou de lesão e deve ficar como opção para o segundo tempo

O atacante Wayne Rooney pode, enfim, reforçar o Manchester United neste sábado. Embora tenha ponderado que o jogador não tem condições de começar atuando contra o Wigan, pelo Campeonato Inglês, o técnico Alex Ferguson antecipou nesta sexta-feira que ele deve ficar no banco.

Com problemas no tornozelo, Rooney não atua desde o dia 16 de outubro, quando entrou como substituto no empate com o West Bromwich. A contusão levou o atacante a treinar nos Estados Unidos, para intensificar sua recuperação. E agora, ele parece estar pronto, ao menos, para ficar como opção para o segundo tempo.

"Acho difícil que ele comece jogando amanhã (sábado), mas talvez fique no banco", contou Ferguson, acrescentando que Rooney definitivamente jogará contra o Rangers, na próxima quarta-feira, pela Liga dos Campeões.

Em meio a escândalos sobre sua vida pessoal e a problemas físicos, Rooney anunciou que deixaria o Manchester United, mas voltou atrás e renovou seu contrato em outubro.