Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Ronaldo, Roberto Carlos e Dentinho não jogam contra o Palmeiras

O técnico do Corinthians informou que os três têm problemas físicos e não atuarão na partida de domingo

Paulo Passos, iG São Paulo |

Ronaldo, Roberto Carlos e Dentinho não jogarão o clássico de domingo contra o Palmeiras no Pacaembu. O técnico do Corinthians, Tite, informou que eles não serão relacionados para a partida, a primeira após a eliminação do clube na Libertadores da América.

“O Ronaldo tem um problema no músculo adutor da coxa direita e não está liberado para jogar. Já o Roberto Carlos e o Dentinho estão trabalhando recondicionamento físico”, explicou Tite.

nullO técnico admitiu que Roberto Carlos e Dentinho não estavam nas melhores condições físicas durante a Libertadores da América. “Nós apressamos o processo de condicionamento físico, porque era necessário contar com eles na Libertadores. Agora, eles vão passar por um recondicionamento”, disse Tite.

O treinador foi questionado se a ausência de Ronaldo não era uma forma de evitar que o jogador fique no banco de reservas, já que não foi bem nas últimas partidas. “O Ronaldo é um problema médico. Ele pode ficar na reserva como todo jogador. Hoje ele está impossibilitado de jogo”, afirmou.

Palmeiras e Corinthians jogam neste domingo pelo Campeonato Paulista. A partida começa às 17h, no estádio do Pacaembu.

Nesta sexta-feira, torcedores compareceram ao centro de treinamento corintiano para protestar, dois dias depois da eliminação na pré-Libertadores. Veja nas imagens abaixo:

Apoio do presidente

Tite revelou que teve uma reunião com o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, nesta sexta-feira. Segundo o técnico, o dirigente lhe transmitiu apoio para seguir o trabalho. “O que houve foi um encaminhamento do trabalho. A dor que o torcedor sente eu sinto e os atletas também”, afirmou.

O treinador teve seu carro depredado por um grupo de integrantes de uma torcida organizada do Corinthians na madrugada de quinta-feira. “Tenho respeito pelo torcedor e a dor com ele sente. Não concordo com esses poucos que querem fazer de violência, aparecer e chamar atenção”, comentou.

 

Leia tudo sobre: RonaldoRoberto CarlosCorinthiansPalmeirastitevídeo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG