Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Ronaldo manterá contrato comercial com o Corinthians

Fora dos gramados, ele será embaixador do clube, poderá ter jogo despedida e dará mais atenção a agência

Marcel Rizzo, iG São Paulo |

Ronaldo anuncia nesta segunda-feira o fim da carreira dentro de campo - em que pese o apelo feito pelo técnico Tite para ele permanecer jogando -, mas ele cumprirá o contrato comercial que tem com o Corinthians. E intensificará o projeto de sua empresa, a 9ine, para gerenciar a carreira de jogadores de futebol, o que era limitado já que ainda estava em atividade. 

Ronaldo não fez nada bruscamente”, disse pessoa próxima à negociação entre ele e o presidente Andrés Sanchez para a decisão de parar. Pesou, é claro, o que disse ao Estado de S. Paulo, de que não consegue mais produzir dentro de campo, mas também foi decisiva a pressão dos torcedores e, claro, a vontade de embalar sua empresa, que será anunciada oficialmente em março em parceria com, entre outros, Marcos Buaiz, marido da cantora Wanessa e grande amigo de Ronaldo em São Paulo.

A decisão de Ronaldo foi precipitada por um fato ocorrido no sábado passado, dia 5 de fevereiro, véspera do clássico contra o Palmeiras, jogo do qual não participou. Ele, Dentinho, Roberto Carlos e o zagueiro Paulo André, um de seus grandes amigos na capital paulista, foram quase agredidos ao saírem da academia Fórmula, no Shopping Eldorado, na zona oeste de SP. Protegidos por segurança, foram ameaçados por torcedores que se dirigiram ao local cobrando após a eliminação na Libertadores na primeira fase para o Tolima-COL. Roberto Carlos usou o fato como argumento para deixar o clube – deve jogar na Rússia.

[]A pressão o antecipou a fazer o que mais quer agora: trabalhar na 9ine. Ronaldo já teve um gostinho do que pode fazer na negociação de Elias para a o Atlético Madrid. Ele atuou como uma espécie de tutor do amigo – o volante o trata como pai. Não houve envolvimento financeiro, mas Ronaldo percebeu ali que seu nome pode abrir muitas portas no mercado europeu. O problema é que jogando causaria atrito. O melhor é parar, mas mantendo vínculo com o Corinthians. Qual? Uma espécie de embaixador.

A 9ine poderá fazer negócios com o clube, mas Ronaldo, pelo menos até o final do ano, participará de eventos oficiais do clube - como lançamento de camisa, por exemplo. Ele tentará também marcar amistosos internacionais, e nesses jogos poderá até atuar por alguns minutos. Em jogos não oficiais entrará em campo – o presidente Andrés Sanches quer tentar um jogo contra o Real Madrid ou Barcelona para despedida oficial.

Pelo acordo entre Corinthians, Ronaldo e Hypermarcas, empresa patrocinadora máster do clube, o jogador fatura R$ 1,5 milhão por mês, faz propaganda de barbeador e rende ao clube outros R$ 30 milhões. Recentemente ele entrou em polêmica na rede social Twitter com o ex-jogador Neto, por causa do valor que recebe. Ele escreveu que dá um retorno financeiro ao clube, e o ex-camisa 10 rebateu que ele é apenas um negócio para o clube.

Veja a transformação física ao longo da carreira de Ronaldo:
 

Leia tudo sobre: ronaldocorinthianscontratodespedida9ineembaixador

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG