Tamanho do texto

Ex-jogador foi até Itaquera de trem com presidente do Corinthians, prefeito e governador de São Paulo

Ronaldo andou de trem com o prefeito de São Paulo, o governador e o presidente do Corinthians
AE
Ronaldo andou de trem com o prefeito de São Paulo, o governador e o presidente do Corinthians
No evento que marca os mil dias que faltam para o início da Copa do Mundo , autoridades de São Paulo usaram a data para tentar diminuir as críticas em relação à distância do estádio de Itaquera do centro da cidade. A arena do Corinthians deverá receber o jogo de abertura do Mundial de 2014.

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, o governo do estado, Geraldo Alckmin, o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, e o ex-jogador Ronaldo saíram da estação Luz, no centro da cidade, de trem em direção ao local das obras. O trajeto levou cerca de 20 minutos. A saída aconteceu às 10h32. Às 10h51, o trem que levava as autoridades chegou na estação Itaquera.

Ronaldo divulgou no seu twitter uma foto dentro do trem com as autoridades. “E para quem diz q o estádio é longe do centro levamos 19 minutos da Luz ate aqui”, escreveu o ex-jogador, que também lembrou os tempos em que usava trem. “Eu não andava de trem desde os tempos Bento Ribeiro - São Cristóvão”.

Em Itaquera será inaugurado um relógio com a contagem regressiva para o início da Copa de 2014. Apesar da Fifa não ter confirmado o estádio do Corinthians como local da abertura do evento, dirigentes do clube dizem ter certeza que o “Fielzão” receberá a primeira partida . “Tenho certeza absoluta”, afirmou Andrés Sanchez na última quinta-feira.

Veja imagens das celebrações do dia no Brasil: