Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Ronaldinho decide e faz história com o Fla contra o Atlético-PR

Craque entra, garante a vitória por 1 a 0, vaga nas oitavas de final da Sul-Americana e fim de jejuns

Thales Soares, iG Rio de Janeiro |

O craque realmente ainda faz a diferença no futebol. Nesta quarta-feira, Ronaldinho Gaúcho entrou em campo para fazer a história com a camisa do Flamengo. Ele marcou o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Atlético-PR, na Arena da Baixada, a primeira do time no estádio em 13 jogos, quebrou um jejum de 15 jogos sem vencer no Sul do país e garantiu vaga nas oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Entre para a Torcida Virtual e convide seus amigos

Agora, o Flamengo enfrenta o vencedor do confronto entre Nacional, do Uruguai, e Universidad de Chile. O adversário só será conhecido no dia 21 de setembro. Antes, terá o clássico com Vasco, domingo, às 16h, pela 19 rodada do Campeonato Brasileiro. Já o Atlético-PR joga no sábado contra o Coritiba, às 18h.

O campo ruim e a falta de entrosamento criaram dificuldades para os dois times em campo. Depois de um começo de jogo com muitos passes errados e problemas de posicionamento, os jogadores se encontraram e acertaram alguns bons lances, faltando apenas o toque final para balançar a rede.

O meia Branquinho foi o jogador mais efetivo do Atlético-PR no primeiro tempo. Com bons dribles, conseguiu desequilibrar a defesa em alguns momentos e levou perigo num chute de fora da área, bem defendido pelo goleiro Felipe, aos 25 minutos.

A juventude do Flamengo mostrou perigo. Luiz Antônio encontrou espaços para avançar e pecou em duas finalizações, depois de criar boas jogadas individuais. Na frente, Negueba chamou a atenção dos marcadores. Mas a melhor chance do time saiu em uma cobrança de escanteio de Bottinelli, que Jael cabeceou para fora com o goleiro Santos batido, aos 41.

AE
Técnicos Vanderlei Luxemburgo e Renato Gaúcho confraternizaram antes da bola rolar
Os técnicos mudaram os times no intervalo. Renato Gaúcho colocou Heracles no lugar de Robston, enquanto Vanderlei Luxemburgo tirou Rafael Galhardo para a entrada de Willians. Logo aos dois minutos, Willians lançou Renato, que cruzou para Jael perder uma chance incrível.

A resposta do Atlético-PR foi rápida. Marcelo Oliveira, que passou a jogar como meia, fez boa jogada, passou para Branquinho chutar, mas Felipe fez grande defesa e salvou o Flamengo, aos cinco minutos.

Assim como no jogo de ida, Luxemburgo colocou Ronaldinho Gaúcho em campo aos 14 minutos. Desta vez, ele entrou no lugar de Jael. O craque já vinha sendo hostilizado enquanto fazia o aquecimento e a torcida do Atlético-PR só aumentou o volume dos xingamentos no momento de sua entrada em campo.

E, mais uma vez, Ronaldinho decidiu. Depois de fazer o gol em cobrança de pênalti na vitória por 1 a 0 no jogo de ida, o craque aproveitou um desvio de Renato, depois de um escanteio cobrado por Bottinelli, e, de cabeça, colocou o Flamengo em vantagem na Arena da Baixada, aos 28 minutos. Foi a primeira vitória do time sobre o Atlético-PR em Curitiba desde 1974.

FICHA TÉCNICA – ATLÉTICO-PR 0 x 1 FLAMENGO
Local:
Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 24 de agosto de 2011, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Sálvio Spínola (SP)
Assistentes:
Alessandro Rocha (BA) e Marcelo Van Gasse (SP)

GOLS
Flamengo:
Ronaldinho Gaúcho, aos 28 minutos do segundo tempo

Atlético-PR: Santos, Wagner Diniz, Gustavo, Rafael Santos e Marcelo Oliveira; Fransérgio, Wendel, Robston (Heracles) e Renan (Madson); Branquinho e Adaílton (Rodriguinho)
Técnico: Renato Gaúcho

Flamengo: Felipe, Gustavo, Alex Silva (Welinton) e Ronaldo Angelim; Rafael Galhardo (Willians), Fierro, Luiz Antônio, Bottinelli e Renato; Negueba e Jael (Ronaldinho Gaúcho)
Técnico: Vanderlei Luxemburgo
 

Leia tudo sobre: FlamengoAtlético-PRCopa Sul-Americana 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG