Jogo teve três gols para cada lado no primeiro tempo e foi decidido na etapa final: 5 a 3 para a equipe do interior paulista

O Bragantino alcançou o objetivo de aproveitar a série de duas partidas em casa na Série B do Campeonato Brasileiro para somar seis pontos. Depois de superar o Duque de Caxias , o time paulista usou o conhecimento do estádio Nabi Abi Chedid para derrotar na tarde deste sábado o Salgueiro por 5 a 3.

O jogo no interior de São Paulo foi eletrizante no primeiro tempo, com três gols para cada lado. A vitória dos donos da casa foi definida na etapa complementar com a participação de um atleta com nome ilustre: Romário saiu do banco de reservas para marcar um e sofrer o pênalti do quinto.

Na classificação, o Bragantino chega a 21 pontos e deixa a zona de rebaixamento da Série B do Campeonato Brasileiro. O Salgueiro, em compensação, segue com 13 e amarga o penúltimo lugar da classificação.

Otacílio Neto, do Bragantino, tenta jogada em meio à marcação do Salgueiro
AE
Otacílio Neto, do Bragantino, tenta jogada em meio à marcação do Salgueiro
O jogo
A cidade de Bragança Paulista foi privilegiada com um confronto eletrizante nos 45 minutos iniciais, com seis gols, três de cada lado. Aos cinco minutos, o Bragantino abriu vantagem com gol de oportunismo de Otacílio Neto, mas logo viu o empate do Salgueiro através com Élvis, dez minutos depois.

A partida seguiu em ritmo acelerado. Aos 29 minutos, Lincom colocou o time da casa novamente na frente ao desviar de cabeça a cobrança de falta da direita. Mas o Salgueiro reagiu de novo: igualou o marcador em cobrança de falta de Piauí, que acertou chute preciso por cima da barreira.

Mesmo com a proximidade do intervalo, os times rejeitaram uma postura cautelosa. O Bragantino marcou o terceiro outra vez com Lincom, que completou cruzamento de Andrezinho. Só que o Salgueiro insistia em não se entregar e, em mais um gol de cabeça, empatou com Fabrício Ceará, aos 44 minutos.

No segundo tempo, o desempenho dos ataques foi inferior, porém o Bragantino conseguiu definir a fatura. Aos 31 minutos, após jogada confusa, Romário aproveitou-se de bom posicionamento e completou para as redes dentro da pequena área: 4 a 3.

Mas ainda havia tempo para Romário brilhar novamente. Aos 44 minutos, o atacante sofreu o pênalti que foi convertido por Marcinho.

Os dois times voltam a jogar pela Série B do Campeonato Brasileiro na terça-feira. O Bragantino enfrenta o Goiás, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, às 19h30. Um pouco mais tarde (21h50), o Salgueiro enfrenta o Icasa em seus domínios.

FICHA TÉCNICA
BRAGANTINO 5 x 3 SALGUEIRO

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista
Data: 13 de agosto de 2011, sábado
Horário: 16h20 (de Brasília)
Árbitro: Edivaldo Elias da Silva (PR)
Assistentes: Adair Carlos Mondini (PR) e Arestides Pereira da Silva (AL)
Cartões amarelos: Junior Lopes, Luís Mário, Otacílio Neto e Diego (Bragantino); Marcelo Silva, Elvis, Alex Xavier, Josa e Eridon (Salgueiro)
Gols:
BRAGANTINO: Otacílio Neto, aos cinco; Lincom, aos 29 e 40 minutos do primeiro tempo; Romário, aos 31; Marcinho, aos 44 minuto do segundo tempo.
SALGUEIRO: Elvis, aos 15; Piauí, aos 35; e Fabrício Ceará, aos 44 minutos do primeiro tempo.

BRAGANTINO: Gilvan; Junior Lopes, Astorga e Kadu (Romário); Andrezinho, Mineiro, Reinaldo, Luís Mário (Diego) e Marcinho; Otacílio Neto (Murilo) e Lincom
Técnico: Marcelo Veiga

SALGUEIRO: Marcelo; Marcos Tamandaré, Eridon, Alex Xavier e Piauí (Renê); Josa, Pio, Clébson e Elvis (Robertinho); Fabrício Ceará e Edmar (Edu Chiquita)
Técnico: Maurício Simões.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.