Espanhol, no entanto, teria pedido alto salário e exigido a contratação de cinco assistentes

A situação do técnico Luis Enrique, atual comandante do Barcelona B, está se complicando com a Roma . Depois de receber proposta do clube, o comandante passou a fazer várias exigências e o clube italiano se desesperou, dando um ultimato: ou assina contrato nesta quarta, ou está fora dos planos do clube.

De acordo com jornais italianos, o diretor esportivo da Roma, Walter Sabatini, está perdendo a paciência com o treinador, já que as exigências cada vez sobem mais do lado de Luis Enrique.

O primeiro destes pedidos teria sido um contrato de apenas um ano, pois o espanhol tem o sonho de substituir a Josep Guardiola no comando do Barcelona depois da próxima temporada. Em seguida, pediu um alto salário para um técnico que não tem experiência e, finalmente, pediu ao clube que contratasse cinco assistentes.

Com isto, a Roma vai em busca do plano B para seu comando técnico: Marco Giampaolo, ex-Catania e que havia acertado com o Cesena, mas pediu tempo para assinar o contrato.

Uma das possibilidades para Luis Enrique é o Atlético de Madri. O clube, que não tem mais Quique Sánchez Flores, tem o ex-meia como primeiro da lista, e pretende ter um comandante até o final da semana.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.