Tamanho do texto

Negócio do jogador com o time carioca não deu certo após um exame médico mostrar uma arritmia cardíaca

Cotado para ser o mais novo lateral esquerdo do Botafogo para esta temporada, o chileno José Rojas acabou não acertando com o time carioca por conta de um exame cardíaco , que apontou uma arritmia. Após a estreia do Botafogo no Carioca , o técnico Oswaldo de Oliveira já tinha adotado um tom pessimista para falar sobre a vinda do atleta e, na noite da última segunda-feira, tanto o clube quanto o jogador já anunciavam o fim das tratativas.

Leia também: Botafogo desiste de contratar lateral chileno José Rojas

Nesta terça, Rojas desembarcou na capital chilena de Santiago e foi recebido por cerca de 50 torcedores da Universidad de Chile. Em sua terra natal, o lateral aproveitou para cutucar o Botafogo pelo modo como a diretoria do clube se portou durante o impasse nos testes físicos.

"Fiz um exame no sábado que apontou uma arritmia. Depois, fiz mais dois exames e nada foi detectado. O Botafogo ficou com medo de me contratar", disse o chileno que, apesar da crítica, elogiou o tratamento que recebeu no Brasil.

Relembre: Problema cardíaco pode melar acordo entre Botafogo e Rojas

"O gerente do Botafogo se portou muito bem, assim como a torcida do clube, que foi espetacular comigo", acrescentou.

Apesar do fracasso em sua transferência para o futebol brasileiro, Rojas se mostrou feliz em retornar ao clube do coração e já voltará aos trabalhos nesta terça-feira, visando a disputa da Copa Libertadores. Campeã da Campeonato Chileno e da Copa Sul-americana, a La U é apontada como uma das grandes favoritas ao título do torneio e deverá dar trabalho para os demais clubes no torneio.

"Quero estar o mais rápido em campo para devolver o carinho destes torcedores. São essas coisas que nos fortalecem", completou Rojas.