Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Rogério diz que viu "estrelinha" e pede reforços para o São Paulo

Goleiro levou uma pancada na cabeça no final do jogo contra o Atlético-MG, mas se escalou para o próximo duelo

Mário André Monteiro, iG São Paulo |

Completando a impressionante marca de 100 jogos seguidos com a camisa do São Paulo , o goleiro Rogério Ceni foi um dos personagens da vitória sobre o Atlético-MG, por 1 a 0 , na noite desta quarta-feira. No segundo tempo da partida, o capitão teve muito trabalho e garantiu o resultado com importantes interceptações.

Siga o iG São Paulo no Twitter e receba as informações do time do Morumbi

No final do jogo, em mais uma defesa difícil, Ceni levou uma pancada de Richarlyson na cabeça e ficou caído no gramado por cinco minutos. Segundo o próprio goleiro, nada que o tire do duelo de sábado contra o Grêmio , no Morumbi, pela 4ª rodada do Brasileirão.

AE
Goleiro Rogério Ceni recebe atendimento após levar uma pancada na cabeça
"Na hora fiquei tonto, vi estrelinha. Não sei se foi o pé ou o joelho do Richarlyson, pegou na região do lado da cabeça. Vou tomar um remédio para dor de cabeça e vai resolver", disse em entrevista para Rádio Estadão/ESPN.

Entre para a Torcida Virtual do São Paulo e convide seus amigos

Rogério revelou que as dores no tornozelo quase o tiraram do duelo contra os mineiros, em Sete Lagoas, e prometeu estar quase recuperado para encarar os gaúchos na próxima rodada. "Tem o tornozelo que temos que melhorar ainda, mas hoje me senti melhor. São quase 8 horas por dia de fisioterapia. Ontem treinei, senti dor e quase nem vim para o jogo. Para sábado vai estar 90%", avisou.

O próprio técnico Paulo César Carpegiani, após a partida na Arena do Jacaré, avaliou que Ceni não era dúvida para o jogo contra o Grêmio e tratou de escalar o goleiro. "A princípio ele levou uma pancada no rosto, então acredito que não seja dúvida. Ele tem se recuperado bem do tornozelo e a presença dele é fundamental, até para não descaracterizar o time. Ele deve jogar sem maiores problemas", disse Carpegiani.

Rogério Ceni se mostrou bastante surpreso com a campanha do São Paulo até o momento, uma vez que vários jovens entraram na equipe recentemente e estão dando conta do recado.

"Só tenho a elogiar esses meninos. O Xandão é o mais velho da defesa. Eles têm muita vontade de vencer. Isso supre qualquer diferença técnica que exista. O Wellington e o Souto fizeram uma baita partida. É um time jovem, desentrosado, mas os meninos têm alma e dedicação".

Apesar de exaltar os garotos, o capitão do time sabe que o grupo precisa de reforços. E ele confia nos dirigentes são-paulinos. "É difícil conquistar um título numa situação como essa, mas é louvável o que estamos vivendo agora. Precisamos de jogadores com mais peso. Estamos esperando o Luis Fabiano, o Rhodolfo vai voltar. O Adalberto (diretor de futebol) acompanha o time no CT, trabalha para reforçar o São Paulo, é um cara inovador, tem visão de futebol. Dentro das possibilidades, espero que o clube possa trazer reforços para nos ajudar", concluiu.

A partida contra os gremistas no sábado, no Morumbi, será a 101ª seguida de Rogério Ceni com a camisa do São Paulo. O goleiro busca o recorde de Suli, arqueiro da equipe da década de 60 que atuou por 107 vezes consecutivas. O jogo diante dos gaúchos está marcado para 18h30.

Veja as imagens da vitória são-paulina :

Leia tudo sobre: São PauloRogério CeniBrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG