O Bruno pegou duas bolas impossíveis, fez verdadeiros milagres. Pedi para deixar passar uma, brincou

O torcedor do Cruzeiro que aguardava uma missão fácil contra o Palmeiras na última rodada do Campeonato Brasileiro levou um susto. Na partida deste domingo em Sete Lagoas, o time mineiro sofreu e conseguiu o triunfo apenas nos acréscimos da etapa complementar. O meia Roger ressaltou o esforço do adversário, que apostou em uma formação mista de reservas e jovens da base.

"O Palmeiras não tinha nada a perder, entrou em campo com jogadores jovens. Eles atuaram muito bem, complicaram a nossa vida", admitiu.

Enquanto a bola rolou, Roger chegou a conversar com Bruno, goleiro do Palmeiras neste domingo na Arena do Jacaré. Ele pediu para o adversário diminuir o ritmo de grandes intervenções na meta alviverde.

Na última rodada do torneio nacional, o Cruzeiro conseguiu ultrapassar o Corinthians na classificação e garantiu o vice-campeonato. Roger citou que alguns erros de arbitragem foram fatais para minar seu time na disputa do título.

"Vamos citar as partidas contra Corinthians e Botafogo em que os erros contra o Cruzeiro foram claros. Mas o futebol é assim, o perdedor reclama, enquanto o vencedor comemora", definiu o meia.

Constrangimento - O elenco do Palmeiras deixou rapidamente a Arena do Jacaré neste domingo. Como o estádio estava sem água, os atletas foram obrigados a tomar banho no hotel escolhido para a concentração.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.