Tamanho do texto

Procurador confirma interesse de clubes do Oriente Médio, mas assegura que Sheik está feliz no clube e cumprirá seu contrato

O interesse do mundo árabe por Emerson não é de hoje. E pelo visto duplicou após o gol contra o Guarani que deu ao Fluminense o tricampeonato brasileiro. Embora fortes rumores indiquem que o atacante teria recebido uma oferta irrecusável de cerca de RS$ 1,5 milhões mensais de um clube do Oriente Médio, o procurador do jogador, Rodrigo Pitta, afirma que o Sheik está feliz nas Laranjeiras e que irá cumprir seu compromisso com o o clube.

“O Emerson está de férias, curtindo a família, mas estou sempre em contato com ele. Por ser um jogador muito valorizado no Oriente Médio, recebo novas propostas a cada dia e realmente são boas. Mas ele não tem porque deixar o Fluminense agora, pois está muito feliz no clube e tem ótima relação com todos. Ele não se cansa de elogiar o esforço que o Dr. Celso Barros fez na sua contratação e seu contrato será cumprido até o fim”, assegurou Reinaldo Pitta, acrescentando que um dos principais motivos para e permanência de Sheik no Rio de Janeiro é a Libertadores.

Percebo uma grande motivação nele para a disputa de sua primeira Libertadores, em 2011. Ele está totalmente focado neste objetivo”, concluiu seu procurador Rodrigo Pitta.

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.