Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Rodrigo Mancha comemora estreia e espera o bi na Copa do Brasil

Volante foi campeão do torneio nacional com o Santos, no ano passado, e dá dicas para o time ir longe

Renan Rodrigues, iG Rio de Janeiro |

Se Ronaldinho Gaúcho não desequilibrou no clássico entre Botafogo e Flamengo, no último domingo, muito se deve a marcação dura de Rodrigo Mancha. O volante fez sua primeira partida como titular no Botafogo e, apesar da eliminação sofrida nos pênaltis, saiu de campo com sentimento de dever cumprido. Tanto que espera se manter entre os titulares do técnico Joel Santana.

"O Joel confiou em mim, pedindo que eu fizesse a função de marcar o Ronaldinho. Fui bem na partida, fico feliz. Era difícil, porque ele é um grande jogador, já foi eleito melhor do mundo e eu não jogava uma partida há três meses. Senti um pouco a falta de ritmo no início, mas melhorei durante a partida", explicou Mancha, que atuou como zagueiro e volante, sempre seguindo Ronaldinho.

Campeão da Copa do Brasil em 2010, com o Santos, o jogador espera conquistar seu espaço na equipe titular do Botafogo, e já dá as primeiras dicas para que o time carioca tenha sucesso no torneio nacional.

"Na Copa do Brasil, você decide o jogo fora de casa. Tem que tentar não levar gol fora, mas fazer pelo menos um, ter um empate com gols. São dois jogos que decidem sua vida no campeonato. Você tem que jogar firme, com marcação forte, para passar de fase", ensinou o volante do Botafogo.

O jogador garante que cada título tem um sabor diferente, e espera conquistar a Copa do Brasil com o Botafogo, que nunca venceu o torneio, ficando marcado na história do clube. "Todo mundo quer ficar marcado no clube conquistando títulos, principalmente quando é inédito, e comigo não é diferente. Vim para o Botafogo para ser campeão", disse.

 

 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG