Presidente elogia trabalho do técnico Ricardo Gomes e dá a entender que treinador conquistou o elenco

O Vasco está com cara de campeão. Esta é a definição do presidente Roberto Dinamite. Sorridente, o ex-jogador marcou presença no último treino do time antes da final da Copa do Brasil, nesta quarta-feira, contra o Coritiba , no Couto Pereira. Confiante, justificou as razões de tanta certeza na conquista do título inédito. A principal delas está no trabalho do técnico Ricardo Gomes .

“Tenho acompanhado as preleções do Ricardo. Ele consegue fazer o jogador acreditar em tudo o que ele diz. Por isso o time está aí. O grupo sabe da importância desta decisão”, destacou Dinamite. “O ambiente é maravilhoso. Estes jogadores estão tranquilos e muito dispostos a ganhar a Copa do Brasil”, completou o cartola.

Traduzindo para um linguagem boleira, quando o treinador ganha a confiança do grupo, o time inteiro corre para ele, se sacrifica para ele. É mais ou menos o que acontece hoje com o elenco dirigido por Ricardo Gomes. E nos bastidores do futebol, quando não há divergência com o comando, o trabalho flui mais facilmente.

“A forma de ele comandar tem me impressionado, e o grupo comprou a ideia dele. Isto te me deixado satisfeito. Estou muito tranquilo para este jogo. Não ganhamos nada, o Coritiba pode ser campeão, mas sinto muita vibração nestes jogadores”, reiterou o presidente.

Outro aspecto – já este ligado à superstição – está nos resultados conquistados com dificuldade. Contra Atlético-PR e Avaí, os gols saíram no finzinho da partida. Para quem está na arquibancada, foram classificações sofridas. Mas, para quem respira o universo boleiro, trata-se de um bom presságio.

“Estamos com sorte de campeão. Os gols no final mostram que a sorte está com a gente”, ressaltou o presidente vascaíno.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.