Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Roberto Carlos diz que Anzhi quer Luxemburgo ou Felipão

Técnico interino do clube russo não pretende ser efetivado na função e diz que posição é ocupada devido à liderança no elenco

Gazeta |

Getty Images
Roberto Carlos agora é treinador-jogador do Anzhi, mas posto é temporário
Jogador e treinador interino do Anzhi Makhachkala , após a demissão de Gadzhi Gadzhiev, o brasileiro Roberto Carlos  vai se reunir com o presidente Suleyman Kerimov para discutir o planejamento da próxima temporada. Segundo o lateral esquerdo, os nomes de Vanderlei Luxemburgo , do Flamengo , e Luiz Felipe Scolari , do Palmeiras , estarão em pauta.

Veja também: Plano de virar supercartola faz Roberto Carlos ficar no Anzhi

"Vou conversar com o presidente sobre as contratações da próxima temporada, nomes como Steven Gerrard , Frank Lampard e Robert Pires. Em relação a treinadores, há vários, como Fábio Capello, Vanderlei Luxemburgo e Luiz Felipe Scolari", contou ao Marca.

Por enquanto, quem comanda os treinos é Roberto Carlos. Ele continua focado como jogador e descarta assumir o time definitivamente. "Estou pronto para ajudar o Anzhi no que for preciso. Fui convocado, por ser capitão da equipe e por exercer uma certa liderança aqui, a ajudar de forma interina até a chegada de um novo treinador, apenas isso. Continuo, em primeiro lugar, como jogador. Essa é a prioridade", explicou.

Veja ainda: Anzhi oferece a Ganso salário que supera o oferecido pelo Real Madrid a Neymar

Ele também comentou a recuperação do compatriota Kaká , do seu ex-clube Real Madrid , que brilhou no meio de semana contra o Ajax na Liga dos Campeões . "Eu o vejo perfeito. Está jogando em um nível altíssimo nas últimas paridas. Eu fico muito contente, porque ele sofreu. É um fenômeno, mas tinha algumas lesões que não o permitiam arrancar", encerrou.

Leia tudo sobre: futebol mundialanzhiroberto carlosrússiafelipãoluxemburgo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG