Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Roberto Carlos classifica como milagre uma possível façanha do Guarani

Confiante na vitória contra o Goiás no domingo, lateral faz até discurso motivacional para incentivar time de Campinas a tirar pontos do Fluminense

Bruno Winckler, iG São Paulo |

Roberto Carlos acredita ser um milagre o Guarani tirar pontos do Fluminense no domingo. Nas mãos do time de Campinas para ser campeão brasileiro, o Corinthians não fica com o título só vencendo o Goiás. É necessário ao menos um empate do já rebaixado time de Campinas no Engenhão para que o time do Parque São Jorge foque com a taça.

Vai ser um milagre se nós ganharmos e o Guarani conseguir somar pontos. Mas no futebol já aconteceram tantas coisas na minha vida, que no fim de semana vai ser só mais uma. O Fluminense fez uma ótima campanha, o Cruzeiro também, e a gente também. Aquele que ganhar foi merecido, mas falta um jogo e são 90 minutos, disse Roberto Carlos, reconhecendo que o time precisará ter esperança até o final do jogo.

O lateral-esquerdo disse ainda não tem outra alternativa se não acreditar que os jogadores do Guarani farão de tudo para ter minar a temporada com uma imagem menos ruim que a do rebaixamento.

Tem aquela frase: a esperança é a ultima que morre. Vamos procurar jogar bem. Já conseguimos o resultado contra o Vasco e não deixamos o Fluminense ser campeão antes. Temos que continuar com essa mentalidade de jogar bem e esquecer o que vai acontecer no Engenhão. Sabemos que o Guarani vai jogar o melhor do seu futebol, são profissionais e querem terminar a temporada bem. Pior que isso não fica. vamos buscar vitória contra o Goiás, que esta fazendo boa temporada e vamos ver o que acontece, disse.

Roberto Carlos ressalta que os jogadores do Guarani têm chance única de jogar bem um jogo em que todos os flashes estarão voltados para o Engenhão. Para o lateral está uma oportunidade de ouro de esses jogadores encaminharem um contrato com um grande clube em 2011. Ele até gostaria que seu discurso fosse ouvido pelos jogadores para motivá-los para a partida.

O Guarani vai jogar a segunda divisão. Então o jogador que fizer um gol no Fluminense pode ser amanha do Corinthians, do São Paulo, do Palmeiras. Eu jogava lá no União São João e queria jogar em time grande. Tem que pensar esse é o jogo da minha vida, independente de estar rebaixado para a Série B. O Guarani não tem obrigação nenhuma, a obrigação é nossa. Mas para um jogador que pensa um dia em chegar num time grande, jogar contra o Fluminense é o mais importante da vida dele. Se eu jogasse no Guarani faria o jogo mais importante do ano, 90 minutos que no ano que vem posso assinar contrato com um time grande. É o ultimo jogo da temporada contra um time que pode ou não ser campeão brasileiro. Será marcante.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirocorinthians

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG