"Tenho muita vontade de ficar, até porque recebo um carinho enorme da torcida, que me acolheu bem e gosta de mim", disse o meia

Rivaldo, meio-campista do São Paulo
Vipcomm
Rivaldo, meio-campista do São Paulo
O experiente meio-campista Rivaldo tem dois objetivos até o final do ano: conquistar o Campeonato Brasileiro e renovar o seu contrato com o São Paulo por mais uma temporada. Embora tente se concentrar apenas no primeiro por enquanto, o atleta de 39 anos de idade admitiu que também já pensa na sequência de sua carreira.

Siga o iG São Paulo no Twitter

"Quero continuar no São Paulo. Fiz um contrato de um ano com o clube, com opção de renovação, e isso vai depender da diretoria. Da minha parte, tenho muita vontade de ficar, até porque recebo um carinho enorme da torcida, que me acolheu bem e gosta de mim. Pretendo, pelo menos, jogar o meu último Brasileiro em 2012", avisou Rivaldo.

> São Paulo está em 3º no Brasileirão. Veja a classificação completa do torneio nacional

O veterano teve dificuldades no início de sua trajetória no Morumbi, pois era pouco utilizado pelo técnico Paulo César Carpegiani. Com Adilson Batista, Rivaldo passou a entrar em campo com mais frequência e teve uma boa sequência como titular, mas perdeu a condição para Cícero nos últimos jogos.

Como o jovem meia Lucas está servindo a seleção brasileira, Rivaldo será titular pela segunda vez consecutiva nesta quarta-feira, contra o Internacional, na Arena Barueri. Na semana passada, contra o Cruzeiro, na Arena do Jacaré, o camisa 10 jogou os 90 minutos.

"Meu intuito é ajudar o São Paulo a ser campeão brasileiro. Por isso, para ser sincero, não penso muito em renovação de contrato agora. Tenho fé em Deus que chegaremos à primeira colocação. Depois do campeonato, a gente negocia ou não a prorrogação", comentou.

A diretoria do São Paulo age como Rivaldo. O vice-presidente de futebol João Paulo de Jesus Lopes disse recentemente que só levará em consideração a manutenção do meia no elenco após a disputa do Campeonato Brasileiro, em dezembro.

*Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.