Tamanho do texto

Salomón Rondón é o principal destaque do time, já que ele marcou 14 gols em sua primeira temporada na primeira divisão espanhola

Com destaque para o atacante Salomón Rondón, destaque do Málaga, a seleção venezuelana definiu seus convocados para a disputa da Copa América. A equipe será a adversária do Brasil na estreia do time de Mano Menezes na competição, no domingo, em La Plata.

Rondon marcou 14 gols em sua primeira temporada na primeira divisão espanhola, pelo Málaga. Outra esperança da equipe é o meia Yohandry Orozco, que chegou ao Wolsfburg, do Campeonato Alemão, após o Campeonato Sul-Americano sub-20.

O técnico César Farías, de 38 anos, está empolgado para a disputa de sua primeira Copa América. "Eu já havia trabalhado com muitos grupos, mas este tem verdadeiramente um altíssimo nível e rendimento", comentou o treinador.

Com apenas duas vitórias na história da competição, a Venezuela realizou sua melhor campanha no torneio na última edição, quando foi anfitriã, em 2007, e chegou às quartas de final - quando foi eliminado ao perder do Uruguai por 4 a 1. A geração atual vem com a marca de terem levado o país pela primeira vez a um Mundial: o sub-17 de 2009.

Além do Brasil, os venezuelanos, no grupo B, também enfrentarão na primeira fase o Equador, em 9 de julho, e o Paraguai, no dia 13, ambos na cidade de Salta.

Confira os escolhidos por César Farias:

Goleiros: Renny Vega (Caracas), Dani Hernández (Murcia-ESP) e Leonardo Morales (Deportivo Anzoátegui)

Defensores: Cichero (Newell's Old Boys-ARG), Perozo (Chico-COL), Granados (Real Esppor Club), Vizcarrondo (Once Caldas, Colômbia), José Manuel Rey (Mineros de Guayana), Roberto Rosales (Twente-HOL) e Alexander González (Caracas)

Meio-campistas: Di Giorgi (Deportivo Anzoátegui), Franklin Lucena (Caracas), Tomás Rincón (Hamburgo-ALE), Arango (Borussia Moenchengladbach-ALE), Yohandry Orozco (Wolfsburg, Alemanha), Seijas (Independiente Santa Fe-COL), César González (Gimnasia y Esgrima de La Plata-ARG) e Jesús Meza (Atlas-MEX)

Atacantes: Fedor (Getafe-ESP), José Salomón Rondón (Málaga-ESP), Arismendi (Deportivo Anzoátegui), Giancarlo Maldonado (Atlante-MEX) e Alejandro Moreno (Chivas-MEX)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.