Fora do primeiro jogo da final do Mineiro, volante vai ser julgado e pode ficar fora da segunda partida

O volante Richarlyson vai ser julgado pela expulsão contra o América-MG , na terça-feira, dia 10, às 19h. Assim, o jogador do Atlético-MG pode ficar fora também do segundo jogo da final do Campeonato Mineiro. Ele já não pode jogar neste domingo, pois tem de cumprir a suspensão automática. Richarlyson foi incurso no artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) - assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste Código – e pode pegar de uma a seis partidas de suspensão.

Richarlyson recebeu o cartão vermelho com apenas 30 segundos em campo e garante não ter falado nada ao árbitro Cléber Wellington Abade, que apitou o clássico entre Atlético-MG e América-MG. Já o juiz relatou na súmula que foi ofendido por Richarlyson .

Esse vai ser o segundo julgamento de Richarlyson por um cartão vermelho recebido no Campeonato Mineiro. O volante do Atlético-MG também foi expulso na goleada por 4 a 1 sobre o Tupi, ainda na primeira fase. Como foi absolvido na ocasião, no julgamento realizado em 22 de fevereiro, Richarlyson não é considerado reincidente. Assim como agora, o vermelho diante do Tupi tirou o jogador do clássico com o Cruzeiro, o da primeira fase do estadual. Se for punido, Richarlyson vai passar o estadual sem ter enfrentado o maior rival do Atlético-MG.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.