Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Ricardo Gomes considera ausência de Felipe "insubstituível"

Meia terá que operar o joelho direito e ficará 30 dias fora dos campos. Bernardo deve ganhar espaço

Renan Rodrigues, iG Rio de Janeiro |

Uma notícia pegou muitos torcedores do Vasco de surpresa antes do empate contra o Fluminense, no último domingo . O meia Felipe , que foi poupado durante toda semana para a partida, nem para o banco foi relacionado. Minutos depois, veio a má notícia de que o jogador havia sentido dores no treinamento de sábado e terá que passar por uma artroscopia do menisco no joelho direito, ficando até 30 dias fora dos gramados.

Veja a classificação e a tabela de jogos do Brasileirão

Após a partida, o técnico Ricardo Gomes lamentou o desfalque do meia para os próximos jogos e ressaltou a qualidade técnica do jogador, sentida já no empate do último domingo, contra o Flu. "Não tem como substituir a perda dele. Um grande jogador, dificilmente você consegue repor igual, não tem no elenco outro Felipe. Vai fazer muita falta, mas vamos esperar que ele se recupere rapidamente, volte e volte bem", disse Ricardo Gomes, que viu o time desequilibrado sem o jogador.

Siga o iG Vasco no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

"Quando o Juninho e o Eder Luis cansaram no segundo tempo, o time caiu. O Felipe arruma nosso lado esquerdo. Ficou claro, não tivemos nenhuma jogada pelo lado esquerdo em toda partida, praticamente. O time ficou muito dependente do lado direito. O Felipe já fez falta hoje", declarou o treinador do Vasco.

null

No empate contra o Fluminense, o escolhido para a vaga de Felipe foi o volante Juninho Pernambucano, autor do gol vascaíno. Porém, pela idade do jogador, que tem 36 anos e fazia um revezamento com o próprio Felipe na equipe titular, quem deve ganhar mais espaço entre os 11 de Ricardo Gomes é o meia Bernardo, elogiado pelo treinador.

Entre para a Torcida Virtual do Vasco e convide seus amigos

"Com certeza ele vai ser mais utilizado agora sem o Felipe. Sem duvida vai ser muito importante para a equipe. Ele vem sendo decisivo nas últimas partidas e mesmo hoje, as últimas jogadas mais perigosas do Vasco foram com ele", disse o técnico vascaíno.

Com o empate na última rodada, o Vasco continua na quarta colocação, com 34 pontos. Apesar disso, o time diminuiu a vantagem para o Corinthians, que tem 37. Na próxima rodada, o time de São Januário enfrenta o Flamengo, no clássico do próximo domingo, no Engenhão, às 16h. Antes, na quinta-feira, a equipe entra em campo contra o Palmeiras, pela partida de volta da Copa Sul-Americana.

Leia tudo sobre: VascoBrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG