Gol de Reinaldo, aos 4 minutos de jogo, desestabilizou os jogadores: "Achamos o resultado no fim"

Para o técnico Ricardo Gomes, a ansiedade foi o principal adversário do Vasco no empate em 1 a 1 com o Bahia , na noite desta quinta-feira, em São Januário, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. O treinador admitiu que já esperava a retranca da equipe baiana, só não contava em sofrer um gol logo nos minutos iniciais.

Siga o iG Vasco no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

null"A partir daí, virou um filme de suspense. A ansiedade tomou conta dos jogadores, que buscaram o gol de toda maneira e o time não se achou", comentou Ricardo Gomes.

Apesar da má colocação do Bahia na competição, o treinador advertiu os jogadores na preleção. Gomes disse que o Bahia, jogando nos contra-ataques, dificultaria a vida dos vascaínos. Na medida em que o gol demorasse a sair, a torcida pressionaria os jogadores, dando armas ao visitante.

Só que o gol aos 4 minutos de bola rolando foi banho de água fria na estratégia do comandante cruzmaltino. "Aquilo foi um golpe. Confesso que achamos o resultado no fim", reconheceu Ricardo Gomes.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.