Zagueiro deixou o jogo contra o Ceará ainda no intervalo e sua presença contra o Atlético-PR ainda é incerta

O zagueiro Rhodolfo ainda não sabe se encara o Atlético-PR, seu ex-clube, na partida do final de semana pelo Campeonato Brasleiro. O defensor de 24 anos jogou todo primeiro tempo contra o Ceará, mas nem voltou do intervalo com a equipe do São Paulo por conta de um problema muscular. O camisa 4 passará por exames na manhã desta sexta-feira para avaliar suas condições.

Rhodolfo no desembarque do São Paulo
Gazeta Press
Rhodolfo no desembarque do São Paulo
Siga o iG São Paulo no Twitter

"Ele reclamou de um desconforto na coxa e amahã (sexta) vamos fazer exames para dar uma posição", disse o médico do clube José Sanchez no desembarque do time paulista no aeroporto de Cumbica, em Guarulhos. "Dependendo da evolução, ele pode até jogar no sábado", completou.

Entre para a Torcida Virtual do São Paulo e convide seus amigos

O próprio defensor se mostrou bastante otimista com a sua recuperação. "Das outras vezes em que machuquei, mesmo antes do exame, mal conseguia andar, sentia muito. Agora é diferente. Não tenho dor nenhuma e acredito que vou conseguir entrar em campo e ajudar a equipe que vive um momento difícil na defesa", avisou Rhodolfo.

Caso o beque não possa mesmo entrar em campo diante dos paranaenses, Adilson Batista só terá um zagueiro à disposição: o recém-contratado João Filipe. Ao lado dele, o treinador deverá improvisar o lateral direito paraguaio Iván Piris, que fez a função por alguns minutos na derrota em Fortaleza.

Xandão e Luiz Eduardo, os outros jogadores da posição, seguem lesionados. Assim como Rodrigo Caio, volante que pode atuar mais recuado. Já Bruno Uvini está com a seleção brasileira sub 20 que disputa o Mundial da categoria, na Colômbia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.