Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Reservas do Grêmio perdem para o Cruzeiro no Olímpico pelo Gaúcho

Visitante fez 2 a 0 e quebrou a hegemonia do time de Renato que não era derrotado há quase 6 meses em casa

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

O time jovem do Grêmio, formado por reservas, não deu conta do recado neste fim de semana. Jogando no estádio Olímpico o time foi derrotado pelo Cruzeiro de Porto Alegre por 2 a 0 na estreia do segundo turno. Diego Torres, aos 32 minutos do primeiro tempo e Almir, aos 17 da segunda etapa, marcaram os gols. O Grêmio não perdia em casa desde setembro de 2010, quando foi derrotado pelo Palmeiras no Brasileirão.

Pensando na Libertadores o técnico Renato Gaúcho poupou quase todos os titulares. Apenas o meia-atacante Carlos Alberto entrou em campo. O restante do time foi formado pelos garotos.

nullO Grêmio teve muita dificuldade no primeiro tempo e o Cruzeiro jogou de igual para igual. O visitante foi para o intervalo em vantagem com o gol marcado por Diego Torres.

Carlos Alberto foi expulso logo no primeiro minuto do segundo tempo em decisão duvidosa da arbitragem. Renato invadiu o campo para reclamar e também viu o cartão vermelho. O Cruzeiro se aproveitou da superioridade numérica, chegou ao segundo gol e garantiu o aproveitamento de 100% no segundo turno. O Cruzeiro já havia feito 8 a 0 no Porto Alegre na primeira rodada do returno.

A delegação do Grêmio embarca terça-feira para o Peru. Na quinta, dia 17, às 17 horas, o compromisso será contra o León de Huánaco pela Libertadores. No sábado, dia 19, o Cruzeiro vai a Santa Maria enfrentar o Inter-SM.

O Jogo
A primeira chance do Grêmio veio logo com 3 minutos. Bruno Colaço fez um bonito lançamento e Émerson tentou o toque por cobertura. A defesa salvou antes que a bola chegasse no gol. O dono da casa voltou a levar perigo aos 8 minutos, o goleiro Fábio teve que sair com os pés para evitar que Diego Clementino dominasse na frente do gol.

O primeiro tempo seguiu lento e foi o Cruzeiro quem chegou ao gol. Aos 32 minutos saiu uma boa tabela e Diego Torres bateu forte para fazer 1 a 0. O Cruzeiro cresceu e criou pelo menos mais duas chances na sequência. O Grêmio só voltou a assustar aos 42. Após boa jogada de Clementino, o chute do atacante esbarrou no goleiro Fábio.

nullRenato Gaúcho promoveu as entradas de Saimon e Mateus Magro no intervalo, mas viu a opção tática ir por água abaixo logo cedo. Com um minuto Carlos Alberto trombou com o zagueiro dentro da área e acabou recebendo o segundo cartão amarelo por simulação. Decisão duvidosa. Por reclamação, Renato Gaúcho também foi expulso.

Mesmo com um jogador a menos, Maylson e Neuton criaram duas boas chances para os donos da casa, mas o empate não veio. O Cruzeiro aproveitou o espaço deixado e quase ampliou aos 15 minutos: Matheus evitou o gol de Diego Torres. O segundo gol veio em seguida, Diego Torres serviu Almir para fazer 2 a 0.

Mesmo com inferioridade numérica o Grêmio tentou atacar, mas sem levar muito perigo. Desprotegido atrás, viu o Cruzeiro ameaçar e ainda recebeu uma bola na trave no chute de Alex. Aos 44 minutos, o goleiro Fábio salvou uma cabeçada de Clementino e Maylson chutou frquinho no rebote. Já nos acréscimos o atacante Juninho perdeu uma chance clara de fazer o terceiro.

FICHA TÉCNICA - GRÊMIO 0X2 CRUZEIRO

Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data: 12 de março de 2011, sábado
Horário: 16 horas (horário de Brasília)
Árbitro: Márcio Coruja
Assistentes: João Lúcio Junior e Renata Schaefer
Renda: R$ 93.223,50
Público: 8604 torcedores
Cartão amarelo: Carlos Alberto (Grêmio); Léo, Almir, Sandro (Cruzeiro)

GOLS:
Cruzeiro: Diego Torres, aos 32 minutos do primeiro tempo e Almir, aos 17 minutos do segundo tempo.

GRÊMIO: Matheus; Maylson, Mário Fernandes (Saimon), Neuton e Bruno Collaço; Fernando, Émerson, Vinícius Pacheco (Mateus Magro) e Carlos Alberto; Diego Clementino e Wesley (Lins).
Técnico: Renato Gaúcho.

CRUZEIRO: Fábio; Márcio (Alex), Léo, Claudinho (Sandro) e Faísca; Alberto, Almir, Léo Maringá e Diego Torres; Jô e Rafael (Juninho).
Técnico: Leocir Dall´Astra.

Leia tudo sobre: GrêmioCampeonato Gaúcho 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG