Jogador reclama da decisão de mantê-lo no banco e acredita ser injustiçado por tropeço da Copa-2010

selo

David Silva, um dos astros do City, não tem sido aproveitado na seleção espanhola
AP
David Silva, um dos astros do City, não tem sido aproveitado na seleção espanhola
O atacante David Silva revelou estar insatisfeito com o técnico Vicente del Bosque por não utilizá-lo como titular na seleção espanhola desde a Copa do Mundo de 2010. O jogador do Manchester City acredita ter ficado em segundo plano para o treinador após a derrota para a Suíça por 1 a 0 no Mundial da África do Sul e avaliou que ter se transferido para o clube inglês, ao invés de ter ido para Real Madrid ou Barcelona, também o fez perder espaço na equipe. 

"O treinador não está contando comigo, isso é o que eu sinto e eu não acho que depende de como eu jogo para ser titular. Eu ainda sou a única vítima dessa derrota para a Suíça na África do Sul", disse David Silva, em entrevista ao jornal espanhol Marca desta terça-feira. "Eu sinto que joguei em alto nível muitas vezes e não foi o suficiente para entrar na equipe titular. Analisando a minha situação, eu não estou feliz, mas não prevejo minhas perspectivas mudando". 

David Silva, de 25 anos, marcou 11 gols em 49 partidas disputadas pela seleção da Espanha e fez parte dos grupos que conquistaram os títulos da Eurocopa, em 2008, e da Copa do Mundo, em 2010. Depois da derrota na estreia no Mundial para a Suíça, o atacante participou apenas do duelo com a Alemanha, pelas semifinais, mas saindo do banco de reservas. 

Sempre convocado, David Silva foi titular em apenas duas das seis partidas da Espanha nas Eliminatórias da Eurocopa de 2012 e entrou em outros dois jogos. Em 2010, o Manchester City pagou 30 milhões de euros para o Valencia para adquirir o atacante . "Várias vezes eu penso sobre isso sim, que não ir [para Barcelona ou Real Madrid] atingiram minhas chances", disse o jogador, que revelou o interesse do Barcelona em contratá-lo em 2008, o que foi rejeitado pelo Valencia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.