Diretor de futebol e jurídico do clube buscam a contratação do meia em definitivo

O Santos enviará dois representantes neste sábado para a Turquia para fechar a contratação do meia Elano, que tem contrato com o Galatasaray até 2013. O diretor de futebol do clube, Pedro Luís Nunes Conceição, e o diretor do departamento jurídico, Luciano Moitta estarão em Istambul para tentar comprar em definitivo os direitos econômicos do meia bicampeão brasileiro pelo clube em 2002 e 2004.

Elano e a diretoria do Santos já estão conversando há dois meses para viabilizar o retorno do jogador ao Brasil. O presidente santista, Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro, confirmou que o clube anunciará a contratação de jogadores de impacto nos próximos 15 ou 20 dias.

O Santos está se preparando, temos algumas contratações de impacto que devem ser fechadas nos próximos 15 dias. Não dá para anunciar antes. É a primeira vez que eu participo, a Libertadores faz parte do Santos, eu ainda jovem vi o Santos ganhar duas, então é com muita emoção que estou aqui nesta festa, afirmou Luís Álvaro ao SporTV.

Fico feliz com as declarações do Elano e do pai dele sobre a vontade de voltar ao Santos. Porém, entre a vontade de ambos e a realidade de um contrato existem coisas a serem detalhadas. Não podemos anunciar, sob pena de atrapalhar as negociações, disse o dirigente sobre o retorno de Elano.

Além da torcida e da diretoria santista, o capitão do time, Edu Dracena, também torce pela concretização da volta de Elano ao Santos. O zagueiro jogou com o meia no inicio de carreira no Guarani, e revelou ser padrinho de casamento do meia.

Eu torço para o Elano vir, porque temos uma amizade muito grande. Além de amigos, somos irmãos, sou padrinho de casamento dele, e ele é meu padrinho de casamento. Espero que ele venha. A vontade dele é de vir, mas depende do Galatasaray. Ele me disse que tem pessoas do Santos conversando com ele, a vontade dele é de voltar para o Santos, afirmou Edu Dracena.

Elano deixou o Santos em 2005 para defender o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia. Depois o atleta foi negociado para o Manchester City, da Inglaterra, antes de acertar sua transferência para o Galatasaray, da Turquia. 


    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.