Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Repercussão com a torcida motivou São Paulo na busca por Rivaldo

Clube confirma oficialmente o interesse no veterano, mas afirma que negociações ainda estão começando

Levi Guimarães, iG São Paulo |

Divulgação
Contato do São Paulo com Rivaldo começou na visita do jogador a Rogério Ceni no vestiário
A diretoria do São Paulo ainda não confirma a informação de que já teria acertado a contratação do meia Rivaldo. Mas agora assume oficialmente o interesse em contar com o meia do Mogi Mirim, que acumula também o cargo de presidente do clube do interior. E explica que o interesse no jogador surgiu pela reação positiva da torcida àquilo que, no início, era apenas um boato.

Os boatos começaram depois da visita de Rivaldo ao vestiário do São Paulo no último domingo, após a vitória do clube da capital sobre o Mogi. O jogador e presidente da equipe do interior foi ao vestiário dos visitantes encontrar o ex-companheiro de seleção brasileira Rogério Ceni, dando início às especulações sobre um possível acordo.

“Houve uma conversa entre eles [Rogério e Rivaldo] e nada mais. Houve a notícia, que não tinha fundamento, e a repercussão positiva com a torcida fez com que o São Paulo resolvesse avaliar a possibilidade. Fomos ouvir a comissão técnica e nosso pessoal da área de saúde para tomar uma decisão, agora estamos avaliando para dar prosseguimento”, explicou o diretor de futebol João Paulo de Jesus Lopes.

Mesmo admitindo o interesse, no entanto, o São Paulo diz não ter um prazo para definir a contratação. “Já fizemos o jogador saber que existe essa possibilidade e no momento oportuno vamos sentar com ele e avaliar se existe o interesse dele também em vir para o São Paulo. Nós jogamos amanhã [sábado], então com certeza não será no dia de amanhã, a preocupação é toda com o jogo”.

A três meses de completar 39 anos, Rivaldo seria mais um caso de jogador veterano a se tornar uma aposta do São Paulo. Outros nomes que fizeram história com a camisa do clube, como Leônidas (em 1942), Sastre (1943), Zizinho (1957) e Toninho Cerezo (1992) chegaram também com idade considerada avançada para jogadores de futebol.

Leia tudo sobre: são paulorivaldocampeonato paulista 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG