Dupla teve números inferiores nas duas últimas partidas, disputadas após a convocação para o 'Superclássico'

Sem vencer há quatro jogos, o Botafogo começa a se distanciar dos líderes do Campeonato Brasileiro e já tem ameaçada até a vaga para a Copa Libertadores do próximo ano. E um dos motivos desta queda de rendimento da equipe carioca nas últimas partidas pode estar ligado justamente com a queda de rendimento de duas peças importantes no esquema do técnico Caio Júnior : o lateral-esquerdo Cortês e o meia Elkeson .

Veja também: Botafogo é o 5º no Brasileirão. Veja a classificação atualizada

A influência da dupla pode ser observada nas estatísticas do Botafogo . Elkeson lidera em finalizações certas, dribles certos e cruzamentos certos , enquanto Cortês aparece como melhor passador do time e segundo melhor em desarmes. Porém, após a convocação para seleção brasileira, na segunda partida do 'Superclássico das Américas' , os números da dupla botafoguense apresentaram uma queda significativa, que ajuda a entender o aproveitamento ruim do Bota nos últimos jogos.

Leia também: Botafogo pode atingir maior série sem vitórias no ano

Até a 27ª rodada, Elkeson tinha média de 3,2 dribles certos por partida. Nos dois últimos jogos, porém, o meia conseguiu apenas duas fintas corretas em média. Cortês também apresentou queda nesse quesito. Antes da convocação, o lateral tinha média de 2,2 dribles corretos por jogo, contra apenas um após a seleção brasileira. Nos desarmes, o jogador também não manteve o mesmo desempenho de 3,2 desarmes certos por jogo, caindo para 1,5 por partida.

Veja também: Mesmo com voo fretado, Jefferson diz que não enfrenta o Corinthians

Cortês teve queda de rendimento após convocação à seleção brasileira
AE
Cortês teve queda de rendimento após convocação à seleção brasileira
Nos cruzamentos, outra variação negativa nos números de Cortês. A média de 0,5 cruzamentos certos por jogo caiu para zero nas últimas duas partidas. Apesar disso, o experiente lateral Alessandro não acredita em uma influência do desempenho da dupla nos últimos resultados do Botafogo . Ele acredita que todo time não está correspondendo e que oscilações são naturais.

“O Cortês é um jogador novo, tem muito o que aprender ainda. Acho que o time todo não está bem, o Botafogo é coletivo, não depende de um ou dois jogadores. As coisas estão acontecendo na vida dele muito rápido e a gente que é mais experiente sempre está perto tentando dar conselhos e melhorar. Creio que eles não estão fazendo bons jogos, como a equipe toda não está, mas acho que é nessa hora que o jogador tem que ter atenção, simplicidade, fazer o que vinha fazendo antes da seleção”, disse Alessandro.

Siga o iG Botafogo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

O volante Renato também concorda que apesar do momento ruim da dupla, eles são jogadores importantes e podem voltar a fazer a diferença para o Botafogo . "Podem existir partidas que algum jogador não está tão bem, mas os dois são importantíssimos para o grupo. Um dia alguma coisa ou outra saia diferente, mas temos plena confiança que logo eles deverão estar nos dando alegrias", disse o volante.

Veja a comparação do desempenho dos jogadores do Botafogo:

Elkeson antes da convocação Elkeson após a convocação Cortês antes da convocação Cortês após a convocação
Média de dribles certos por jogo 3,2 2 2,2 1
Média de cruzamentos certos por jogo 1 1,5 0,5 0
Média de perda de bola por jogo 6,7 6,5 5,2 6,5
Média de desarmes corretos por jogo 2 1,5 3,2 1,5

 Comente o rendimento de Elkeson e Cortês na Torcida Virtual do Botafogo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.