Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Renato reclama de retranca contra Grêmio e avisa que não há show

Técnico destacou dificuldades para superar marcação do Léon em vitória na Libertadores

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

Quem espera ver seu time superar o rival sem dificuldades pode mudar de competição. Este foi o aviso dado por Renato Gaúcho após a vitória do Grêmio sobre o León por 2 a 0, nesta quinta-feira, pela Libertadores.

“O rival veio com dez jogadores para marcar. Na Libertadores, é assim: um paredão. Não tem uma equipe que dá show. Quem fizer isso não passa da primeira fase”, avaliou o treinador.

Renato admitiu as dificuldades encontradas pelo time gaúcho, especialmente no primeiro tempo, para derrotar o peruano. Para superá-las, destacou a troca de posicionamento feita no meio de campo no intervalo. Adilson foi para a esquerda e Carlos Alberto, à direita. Isto aproximou o ex-jogador do Vasco de Douglas melhorando a movimentação e abrindo espaços.

A vitória foi considerada fundamental pelo treinador para alcançar às oitavas de final. Ele lembrou que a tarefa não é fácil, afinal, disse entender que a fase classificatória é a etapa mais complicada da competição:

"Todos querem vencer e os times largam os nacionais para esta disputa. O Corinthians ficou para trás, o Fluminense está em uma situação difícil, mas nos preparamos para estas situações".

Leia tudo sobre: grêmiocopa libertadores 2011renato gaúcho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG