Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Renato pede folga para não comandar o Grêmio no Gre-Nal

Para preparar time titular à Libertadores, treinador deseja ser preservado das partidas fora de casa no Gauchão

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

O Grêmio não vai poupar apenas jogadores nos jogos fora de casa do Gauchão. Para ter mais tempo para preparar o time à Libertadores, o técnico Renato Gaúcho deseja ser liberado de comandar a equipe nas partidas no Interior. Nem mesmo no Gre-Nal, marcado para Rivera, no Uruguai.

“Daqui a pouco o estresse toma conta de mim e eu não conseguirei pensar direito. Teremos muitas partidas na sequência. Nesse pique fica difícil. Até no Gre-Nal pode ter certeza que vai outro. Não sou o Homem de Ferro”, disse o treinador.

Renato solicitou a folga à direção. A exceção será o jogo contra o Ypiranga, quarta-feira, em Erechim. Após este, os auxiliares Andrey Lopes e Roger Marques devem se revezar no comando dos reservas.

“Daqui a pouco estou viajando mais do que piloto. A prioridade é a Libertadores. Temos de nos classificar para a fase de grupos”, comparou Renato.

Os confrontos com o Liverpool, pela pré-Libertadores, são dias 26 de janeiro e 2 de fevereiro. O clássico é no dia 30 de janeiro, portanto, entre as partidas pelo torneio sul-americano.

Leia tudo sobre: GrêmioRenato Gaúcho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG