Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Renato lamenta saída de Jonas e pede reforços

Atacante deixou o Grêmio nesta segunda-feira para atuar no Valencia

iG São Paulo |

O anúncio da saída de Jonas do Grêmio alterou a rotina no estádio Olímpico nesta segunda-feira. Após o treino à tarde, Renato Gaúcho pediu para falar com a imprensa ao invés dos jogadores concederem entrevistas, como estava previsto. O técnico fez questão de valorizar o jogo de estreia da equipe na pré-Libertadores, contra o Liverpool-URU. Renato, entretanto, não fugiu do assunto do dia: a saída do artilheiro do Campeonato Brasileiro.

"Não cabe a mim ficar falando. Eu estou bastante sentido. Eu falei com ele ontem no hotel e ele me explicou. Por causa da cláusula do contrato era impossível de segurar-lo. Vamos sentir muita falta dele. Mas a vida segue”, afirmou Renato Gaúcho.

nullO técnico disse que o time precisa de novas opções para o ataque, principalmente para substituir Jonas. “Vamos procurar definir alguns nomes. A gente está precisando reforçar o grupo. O Grêmio tem bons jogadores, bons atacante. O problema é que são características diferentes. É difícil você encontrar alguém como o Jonas, que se movimenta bastante”, comentou.

O Grêmio viaja nesta terça-feira para Montevidéu, onde enfrentará o Liverpool-URU, na quarta. Renato pretende que os jogadores não comentem assuntos como a saída de Jonas. As entrevistas previstas para antes da partida deverão ser canceladas.

“Peço desculpa para vocês jornalistas, mas por isso que vim falar. Quero o grupo focado no jogo de quarta. Eu blindei eles. Já falei para eles começarem a respirar pré-Libertadores. Temos o maior respeito pelo nosso adversário. Não podemos nos descuidar”, disse Renato.

Jonas sai calado

O atacante Jonas não falou sobre a sua saída do Grêmio. O anúncio do negócio foi feito pelo diretor de futebol do clube, Antônio Vicente Martins. O jogador foi ao Estádio Olímpico, se despediu dos ex-colegas, mas preferiu não falar com a imprensa.

Jonas defenderá o Valencia. O clube espanhol pagou 1,2 milhão de euros (R$ 2,8 milhões), valor da multa contratual do atacante de 26 anos, que chegou ao Grêmio em 2007. Um ano depois, ele foi emprestado para a Portuguesa. A volta ao estádio Olímpico aconteceu em 2009, mas foi no ano passado que ele viveu a melhor fase da carreira. Com 23 gols, ele terminou o Campeonato Brasileiro como artilheiro da competição.

 

Leia tudo sobre: GrêmioRenata GaúchoJonas

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG