Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Renato Gaúcho e direção irão definir situação de Borges no Grêmio

Após ser expulso na Libertadores, centroavante perdeu pênalti em Gre-Nal do Gauchão

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

É difícil ver Renato Gaúcho criticar em público algum jogador do Grêmio. O treinador faz o estilo defensor do grupo independentemente do momento pelo qual passa o time. Porém, após o empate no Gre-Nal e a conquista do segundo turno do Gauchão pelo Inter, o comportamento mudou.

Renato não chegou a fazer reparos a Borges, mas indicou o seu descontentamento com o centroavante. Além de uma atuação fraca, sem nenhuma finalização a gol, por exemplo, o centroavante desperdiçou a sua cobrança na decisão por pênaltis.

"Não falar é a maneira de defender o jogador. Há questões internas. Este caso será decidido por mim e pela direção", disse Renato sem especificar qual o problema e o que será feito.

Chamou a atenção o fato de nenhum companheiro ter ido consolar Borges após o erro do pênalti, algo comum em todos os times. O ambiente do jogador, com a torcida, ficou ruim após ele ter sido expulso aos 34 minutos do primeiro tempo contra o Universidad Católica, pela Libertadores, na semana passada. A direção o multou.

Como está suspenso da partida desta quarta-feira, em Santiago, o camisa 9 não terá como apagar a má atuação do clássico. Segundo o Footstats, Borges recebeu duas faltas, acertou 11 e errou cinco passes e perdeu três bolas. Não chutou ou cabeceou a gol e tampouco deu assistências. É o artilheiro do time com dez gols em 20 partidas.

Leia tudo sobre: grêmioborgescampeonato gaúcho 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG