Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Renato Gaúcho define vitória do Grêmio como "atuação de gala"

Treinador diz que o time está atropelando os adversários e começa a fazer contas para ganhar o 1º turno

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

nullUma “exibição de gala”, foi assim que o técnico Renato Gaúcho definiu a vitória do Grêmio diante do Ypiranga por 5 a 0. O técnico citou esta expressão pelo menos três vezes na entrevista coletiva e mostrou toda a sua felicidade com a goleada alcançada.

“A partir de amanhã começo a pensar na Libertadores, foi uma exibição de gala, quero curtir a vitória. O Grêmio precisa se impor em campo. Dentro do possível procurei poupar alguns jogadores na segunda etapa”, disse Renato.

O Grêmio realmente não deu chance ao Ypiranga. André Lima fez o primeiro gol com menos de dois minutos de jogo e a vitória foi construída ao natural. Para Renato o segredo é respeitar o adversário e não menosprezar ninguém.

“Tem que ter entrega. Se se equiparar com o adversário neste quesito você consegue a superioridade pela qualidade do seu time. Eu disse pra eles que não poderíamos entrar mole. Nosso lema é fazer acontecer e assim não damos chance para o adversário”, afirmou.

O treinador já começa a fazer contas para conquistar o primeiro turno. O Grêmio é semifinalista no Gauchão e vai receber o Cruzeiro de Porto Alegre no próximo domingo.

“Antes tínhamos três degraus, agora faltam dois para colocar a faixa no peito e ganhar o primeiro turno. Tínhamos uma decisão, poderíamos ficar de fora, e por isso foi importante colocar força máxima. Se o Cruzeiro passou foi porque teve mais méritos. O Grêmio está atropelando os adversários. Não fará diferença nenhuma se for Cruzeiro ou Inter, será um jogo difícil”, definiu.

A delegação viaja na terça-feira para a Colômbia. Na quinta, às 23 horas e 45 minutos, o adversário será o Júnior de Barranquilla pela segunda rodada da Libertadores. Renato aguarda a reapresentação dos jogadores para saber se ninguém sentiu alguma lesão após o jogo. O zagueiro Rodolfo saiu no segundo tempo da vitória contra o Ypiranga com um desconforto na coxa direita. O departamento médico acrecita que não seja nada grave.
 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG