Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Renato Gaúcho admite má fase e dará "aula particular" a Borges

Centroavante receberá orientações que fizeram de Jonas o artilheiro do Brasileirão

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

Futura Press
Borges fez dez gols em 2011

A receita que ajudou a fazer de Jonas o artilheiro do Brasileirão 2010, com 23 gols, será usada com Borges menos de um ano depois. É o que, a partir de terça-feira, irá fazer Renato Gaúcho para recuperar o centroavante em má fase no Grêmio.

Depois da classificação contra o Yipiranga à semifinal do segundo turno do Gauchão, o treinador reconheceu as más atuações do camisa 9. Borges erra gols que não costuma perder, mal consegue girar sobre os zagueiros, a sua jogada característica, e volta e meia cai após um choque.

"Ele não vem mostrando tudo o que sabe, é verdade, porém, preocupa o rival. O Borges é o Borges!", alegou o técnico ao mantê-lo na equipe.

Mesmo assim, Borges é o artilheiro do time em 2011. Tem dez gols em 17 jogos, entre Estadual e Libertadores. Rendimento que pode melhorar, de acordo com Renato. Por isto, o modelo vencedor do ano passado será repetido, agora, com um novo aluno – vale lembrar que em 2010 o centroavante passou boa parte do tempo machucado e, por isto, não passou pelo mesmo treinamento.

Desde 12 de agosto de 2010, dia em que foi apresentado como técnico do Grêmio, Renato deu atenção especial a Jonas. Chegou a elaborar uma cartilha de orientações ao atacante, atualmente no Valencia. Especialista na função, que desempenhou nos 17 anos de carreira, ensinou basicamente os segredos do posicionamento dentro da área. Uma delas beirava ao singelo: acreditar sempre que o zagueiro pode falhar.

"É o meu trabalho. Se um jogador está mal tenho de trabalhar", resumiu Renato.

Outras dicas do "professor" Renato, mais elaboradas, contemplam o domínio de bola, o drible e a finalização. Então, evitar ficar de costas aos zagueiros, receber a bola na diagonal, ir para cima dentro da área e posicionar o corpo antes do arremate podem fazer a diferença entre lamentar uma chance perdida ou comemorar um gol.

Resta saber se funcionará com Borges. O final da história das "aulas" com Jonas todos sabem...

Leia tudo sobre: grêmioborgesrenato gaúcho

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG