Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Renato espera conquistar títulos no Botafogo para se tornar ídolo

Com passagem pela seleção, volante acha que só boas atuações e conquistas irão cativar torcedores

Renan Rodrigues, iG Rio de Janeiro |

Satiro Sodré/Divulgação AGIF
Renato quer conquistar a torcida com títulos
Em toda carreira, o volante Renato vestiu a camisa de apenas quatro clubes. Sem chamar a atenção por declarações fortes ou comportamento polêmico, em pelo menos dois deles, Santos e Sevilla , conquistou títulos importantes e se tornou ídolo da torcida. Agora, perto da estreia pelo Botafogo , o volante começa mais um desafio na carreira e espera retribuir o carinho da sua apresentação com boas atuações e conquistas.

Siga o iG Botafogo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

"Desde que cheguei no Sevilla, sempre busquei trabalhar duro e ser humilde. Acho positivo ter esse reconhecimento, e espero que isso também ocorra aqui. Eu fiz por merecer isso lá e quero fazer por merecer no Botafogo. Os resultados são muito importantes para isso acontecer também", declarou o jogador o principal reforço do Botafogo para o Campeonato Brasileiro.

Entre para a Torcida Virtual do Botafogo e convide seus amigos

Pelo Santos, Renato conquistou dois Campeonatos Brasileiros, em 2002 e 2004, além de um vice-campeonato da Libertadores, em 2003. Já com a camisa do Sevilla, foram duas Copas da Uefa (2004/05 e 2006/07), duas Copas do Rei (2007/08 e 2009/10), uma Supercopa da Uefa (2006) e uma Supercopa da Espanha (2007). Apenas no Guarani, primeiro clube da carreira, Renato não conseguiu títulos importantes.

De volta ao Brasil após sete anos, o jogador comenta as principais diferenças entre o futebol praticado na Europa e no Brasil, além de analisar as principais dificuldades em seu retorno.

"Aqui, o esquema tático é mais tranquilo, lá (na Europa) eles procuram manter mais o que foi passado antes da partida. Jogador brasileiro acaba saindo com mais frequência da posição. O Caio Júnior exige que a gente fique posicionado, cobra bastante essa parte. Outra diferença será o ritmo, lá é mais corrido, enquanto aqui é mais dosado. É questão de tempo, ir pegando entrosamento com os companheiros", disse Renato.

Aos 32 anos, Renato é um dos mais experientes do grupo do Botafogo. Analisando o elenco da equipe carioca, o jogador acredita que alcançar um título de expressão no novo clube é totalmente possível. "A equipe está no caminho certo, assimilou o que o Caio Júnior quer. Temos jogadores velozes na frente marcando pressão no meio-campo e com saída rápida para o ataque. Além de jovem, o time tem uma mentalidade ganhadora e podemos chegar longe", declarou o volante do Botafogo.

A estreia do jogador acontece na próxima quarta-feira, contra o Corinthians, em São Januário. O horário da partida dependerá da seleção brasileira. Se vencer o Paraguai, o jogo entre as equipes carioca e paulista acontece às 19h30, caso contrário, a partida será realizada às 21h50. O Botafogo segue na 5ª colocação, com 16 pontos em nove jogos.

Leia tudo sobre: botafogobrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG