Jogador já pode entrar em campo no final de semana, contra o Americana, já que Renatinho irá cumprir suspensão

Após pouco mais de dois anos, o meio-campo Renato Cajá está de volta à Ponte Preta . De lá pra cá, o jogador vestiu a camisa do Grêmio, do Botafogo e atuou no futebol árabe, pelo Al-Ittihad e no futebol chinês, pelo Guangzhou Evergrande, clube que ainda detém os seus direitos federativos e o cedeu por empréstimo à equipe de Campinas, até o final da Série B do Campeonato Brasileiro.

Mesmo sendo um jogador experiente, Cajá, 26 anos, não esconde a ansiedade em voltar a campo vestindo a camisa da equipe alvinegra de Campinas.

"Estou ansioso para voltar a jogar, será um momento especial para mim. Vim em busca de ajudar a equipe a permanecer na frente do campeonato, e conseguir chegar à elite do futebol nacional", disse.

A boa notícia para o atleta é que a oportunidade de retornar pode estar próxima, já que o meia Renatinho cumprirá suspensão automática na partida contra o Americana, no sábado, e o técnico Gilson Kleina pode escalar Cajá no lugar do jogador.

"Espero ir para a partida. O treino de quarta-feira foi importante para adquirir ritmo de jogo e estou à disposição do professor Gilson Kleina, caso ele queira me utilizar", afirmou.

Murilo

A diretoria da Ponte Preta anunciou nesta quarta-feira a contratação de mais um reforço para a sequência da Série B do Campeonato Brasileiro. O lateral direito Murilo, que iniciou a temporada disputando a primeira divisão pelo Ceará, já está integrado e treinando com o elenco.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.