Goleiro atleticano descarta qualquer problema com Barbirtto, o atual treinador de goleiros do Atlético-MG

Questionado nas últimas apresentações, o goleiro Renan Ribeiro não teme perder a posição de titular na meta atleticana. O jogador revela gratidão ao técnico Dorival Júnior, que confiou no seu trabalho logo após chegar ao Atlético-MG , e deixa o treinador à vontade caso queira trocar o titular do gol na partida contra o Ceará , na próxima quarta-feira.

Siga o iG Atlético-MG no Twitter e receba todas as informações do seu time

"Eu sou muito grato ao professor Dorival pela oportunidade que ele me deu de estar jogando aqui no Atlético-MG, na equipe principal. É um sonho meu, que estou realizando ainda. Quem vai jogar vai ser opção dele. Eu estou aqui para trabalhar e ajudar", declarou.

Questionado se existe algum problema com o treinador de goleiros do Atlético-MG, Barbirotto, Renan Ribeiro afirmou que não existe nenhum tipo de desavença. Segundo ele, o que existe é que cada pessoa tem um método de trabalho diferente, e que não cabe comparações com Oscar Rodriguez, que treinava os goleiros do Atlético-MG anteriormente.

Entre para a Torcida Virtual do Atlético-MG e convide seus amigos

"Eu sempre deixei bem claro que cada profissional tem o seu tipo de trabalho. Estou aqui para trabalhar e independentemente de quem estiver aqui, preciso dar o meu melhor no treinamento. Professor Barbirotto sempre conversa comigo e não tem nenhum desentendimento. A gente conversa muito e se descontrai. Não tem nenhuma adversidade entre a gente", afirmou.

Renan Ribeiro vê como normal as cobranças da torcida. "Eu acho que isso é direito dos torcedores. Eles vão à Arena, pagam ingresso e estão ali para torcer. Ninguém gosta de perder e, quando perde, alguns jogadores os torcedores não apoiam. Cabe a mim continuar trabalhando. Foi como eu disse, estou aqui para ajudar o Atlético-MG", concluiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.