Aos 45 anos, árbitro deixará carreira no final do ano. No Campeonato Brasileiro, ele foi o que mais apitou, com 20 jogos até agora

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237861402734&_c_=MiGComponente_C

iPhone: iG lança aplicativo de futebol em tempo real. Baixe aqui
  • Twitter do iG Esporte: Principais notícias, fatos inusitados, vídeos e opinião
  • Tranquilo. Essa a primeira resposta de Carlos Simon ao ser perguntado sobre o clássico entre São Paulo e Corinthians no próximo domingo. Caberá ao árbitro gaúcho apitar o jogo no Morumbi. A partida será a sua 21ª neste Campeonato Brasileiro, o que o coloca como o juiz que mais trabalhou na competição.

    Fiz vários clássicos estou acostumado. É sempre bom estar em grandes jogos. Vou arrebentar a boca do balão, afirma o Simon ao iG .

    Aos 45 anos, ele fará um de seus últimos jogos na carreira. A aposentadoria está marcada para o dia 5 de dezembro, última rodada do Campeonato Brasileiro. Até lá, irá superar a marca de Arnaldo Cesar Coelho, que tem 291 jogos apitados na principal competição nacional. No domingo, ele igualará o numero.

    Me sinto bem, em boas condições para trabalhar, mas chegou a hora. São 27 anos de apito, diz. Nesse período, ele foi para três Copas do Mundo, mas também se envolveu em polêmicas.

    Vaidoso, o arbitro ressalta suas atuações e conquistas na carreira. Erros? Segundo ele, o único em um jogo importante foi o pênalti não marcado a favor do Atlético-MG contra o Botafogo, pela Copa do Brasil, em 2007." Esse eu admito que errei. Já assumi isso publicamente."

    Política

    Filiado ao PT desde 1986, Simon deve se dedicar à política no próximo ano. Recebi um convite para ser Secretário de Esportes do Governo do Estado, no Rio Grande do Sul. Mas ainda não decidi, afirma o árbitro. Bom, e tem Brasília também, completa, rindo. Segundo ele, a decisão só ocorrerá apos pendurar de vez o apito.

      Leia tudo sobre: futebol
      Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.