Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Real Madrid vence, elimina Sevilla e faz decisão contra Barcelona

Maiores rivais do futebol espanhol voltam a medir forças na final da Copa do Rei após mais de 20 anos

Gazeta |

A final da Copa do Rei será entre Real Madrid e Barcelona, o que não acontecia desde 1990. O time da capital subiu ao gramado do Santiago Bernábeu, nesta quarta-feira, ciente da classificação do rival e assegurou outro resultado positivo diante do Sevilla para também se classificar para a decisão: 2 a 0.

O reencontro entre as equipes foi antecedido de polêmica em virtude de um suposto gol do Sevilla não validado no primeiro duelo. Na ocasião, Luis Fabiano driblou Casillas e tocou para o gol, mas viu Albiol se atirar para impedir que a bola entrasse, e o árbitro deu sequência.

Como o jogo de ida foi vencido pelo Real, com gol de Benzema, os visitantes precisavam de um triunfo para não serem eliminados na semifinal do torneio mata-mata, mas a dupla de ataque formada por Negredo e Kanouté - Luís Fabiano ficou na reserva - não balançou as redes.

E mesmo se o gol do brasileiro na ida tivesse sido confirmado, o Sevilla não continuaria na Copa do Rei. Nesta quarta-feira, aos 36 minutos da etapa complementar, Ozil recebeu bom passe de Khedira, passou pelo goleiro Veras e, com a meta vazia, inaugurou o placar. Nos acréscimos, Adebayor foi acionado por Cristiano Ronaldo, marcou mais um e deu a classificação ao Real.

O adversário na decisão será o principal rival nacional: também nesta quarta-feira, o Barcelona enfrentou o Almería, mesmo atuando com jogadores reservas, e venceu por 3 a 0 (gols de Adriano, Thiago Alcântara e Affellay), confirmando a vaga para a decisão da competição.

Leia tudo sobre: copa reibarcelonareal madridespanhafutebol mundial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG