Aos 48 minutos do segundo tempo, Pontus Wernbloom dá o empate ao time russo. Partida de volta será no dia 14 de março, na Espanha

O Real Madrid esteve bem próximo de sair de Moscou com a vitória sobre o CSKA nesta terça-feira, no confronto de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões . Atuando sob uma temperatura de cinco graus negativos, o time espanhol saiu na frente ainda na primeira metade com um gol de Cristiano Ronaldo . Mas no último lance da partida, aos 48 minutos do segundo tempo, Pontus Wernbloom balançou as redes para os mandantes e decretou o empate por 1 a 1.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

O placar foi inaugurado aos 27 minutos com um gol construído por pés portugueses. Após erro na saída de bola do CSKA, o lateral Coentrão , que iniciou a partida no lugar do brasileiro Marcelo , fez cruzamento pela esquerda. A defesa russa afastou mal a bola, que sobrou para Cristiano Ronaldo arrematar de primeira e anotar o seu 35º gol em 36 partidas disputadas na temporada.

Leia também: Messi pode se tornar o maior artilheiro do Barcelona ainda nesta temporada

Poucas jogadas de perigo foram criadas pelas duas equipes no decorrer da partida. O Real Madrid tinha domínio absoluto da posse de bola, mas aparentava estar confromado com o resultado. Nem mesmo a entrada de Kaká no lugar de Callejón , aos 29 do segundo tempo, foi capaz de aumentar o poder de fogo dos espanhóis. Do outro lado, o CSKA não parecia ter força suficiente para incomodar o goleiro Casillas .

Mas quando tudo já parecia definido, o CSKA chegou ao empate. Após confusão dentro da área espanhola, Pontus Wernbloom aproveitou o bate-rebate e castigou o Real Madrid.

Veja ainda: Craques do futebol gravam comercial para marca de refrigerante

Considerando apenas os jogos de Liga dos Campeões, o Real Madrid não sofria gols nos acréscimos havia quase quatro anos. A última vez que isso aconteceu foi no dia 5 de março de 2008, também em confronto de oitavas de final, quando o atacante montenegrino Mirko Vucinic marcou o gol da vitória da Roma por 2 a 1 aos 47 minutos do segundo tempo.

E mais: Diego Maradona corneta goleiro do Barcelona

As duas equipes voltam a se encontrar no dia 14 de março, em Madri. Quem vencer, avança. Em caso de empate, avança quem tiver marcado maior número de gols como visitante.

FICHA TÉCNICA - CSKA MOSCOU 1 X 1 REAL MADRID
Local: Estádio Luzhnik, em Moscou (Rússia)
Data: 21 de fevereiro de 2012, terça-feira
Horário: 15h (de Brasília)
Árbitro: Bjorn Kuipers (Holanda)
Assistentes: Sander van Roekel e Erwin Zeinstra (ambos da Holanda)
Cartões amarelos: Wernbloom (CSKA); Sergio Ramos, Fabio Coentrão e Xabi Alonso (Real Madrid)

Gols: CSKA: Wernbloom aos 48 minutos do segundo tempo
REAL MADRID: Cristiano Ronaldo aos 27 minutos da primeira etapa

CSKA: Chepgurov; Shennikov, V.Berezutsky, Ignashevich, A.Berezutsky; Aldonin (Honda), Werlbloom, Dzagoev, Tosic; Musa (Oliseh) e Doumbia
Técnico: Leonild Slutsky

REAL MADRID: Casillas; Arbeloa, Pepe, Sergio Ramos e Fabio Coentrão; Khedira, Xabi Alonso, Callejon (Kaká) e Ozil (Abiol); Cristiano Ronaldo e Benzema (Higuaín)
Técnico: José Mourinho

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.