Cristiano Ronaldo recupera-se da fraca atuação no clássico contra o Barcelona e marca três vezes na goleada sobre o Sevilla

O Real Madrid foi até Sevilha na noite deste sábado disposto a decidir rapidamente o duro duelo que teria diante do time da casa. Deixando atônitos os presentes no estádio Ramon Sanchez-Pizjuán, a equipe da capital espanhola fez 3 a 0 logo nos 45 minutos iniciais, e ainda marcou o quarto, o quinto e o sexto no segundo tempo para selar uma importante goleada por 6 a 2.

Confira a classificação do Campeonato Espanhol

A grande figura da noite foi o português Cristiano Ronaldo . 'Mordido' pela fraca exibição diante do Barcelona no sábado passado, ele quis mostrar aos críticos o seu valor no embate, e não deixou a desejar, com três gols.

Logo aos dez minutos, ele aproveitou linda jogada de Di María, que limpou a zaga e enfiou boa bola para os seus pés. Com calma, ele se infiltrou no meio dos zagueiros e bateu rasteiro para abrir o placar.

Acompanhe a batalha entre Messi e Cristiano Ronaldo pela artilharia do Espanhol

Mostrando sua força, os anfitriões quase conseguiram o empate em três oportunidades, mas pararam em noite inspirada de Iker Casillas . Na melhor delas, o arqueiro se esticou e espalmou chute a queima roupa de Manu del Moral, fazendo talvez a melhor defesa até então da competição.

Aos 35, Spahic teve um gol anulado, aquele que foi o último suspiro sevilhista no primeiro tempo. Dois minutos depois, Di María acertou bela bola para Callejon, que tocou com categoria para marcar.Pouco depois, sem dar chances do adversário respirar, os blancos fizeram o terceiro. E um golaço. Cristiano Ronaldo recebeu na intermediária e, de muito longe, acertou chute seco, no ângulo Varas, que não conseguiu alcançar.

Para diminuir um pouco a alegria dos visitantes, logo após o 3 a 0, Pepe levou o segundo amarelo e acabou expulso de campo, levando a equipe para o intervalo com um jogador a menos.

Na etapa final, o argentino Di María recebeu um prêmio pela também ótima atuação. Ele aproveitou contra-ataque puxado por Benzema e, na saída de Varas, chutou firme para guardar o seu. Logo na sequência, Jesus Navas marcou bonito gol de honra para os anfitriões.

Porém, esfriando qualquer possível reação, Manu del Moral acabou levando o cartão vermelho de forma direta após entrada por trás em Arbeloa. Ainda antes do fim, Benzema sofreu pênalti de Fazio e Ronaldo pôde fechar o seu hat-trick . Altintop fez o sexto e, Negredo, no apagar das luzes, fez o segundo do time da casa e fechou o 6 a 2.

Com o resultado, o Real chega a 40 pontos conquistados, abrindo três de vantagem sobre o Barça na liderança do Espanhol. Com 24, o Sevilla vê a vaga na Liga dos Campeões ficar mais distante.

Na próxima rodada, que será disputada apenas no dia 8 de janeiro de 2012, os sevilhistas visitam o Rayo Vallecano, enquanto os merengues recebem o Granada no Santiago Bernabéu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.