Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Real Madrid empata fora e amarga sete pontos atrás do Barcelona

Kaká foi titular no empate que distanciou ainda mais a equipe de Madri do líder, que bateu o Mallorca também neste sábado

Gazeta |

O torcedor do Real Madrid sofreu um banho de água fria em sua esperança de buscar uma reação no Campeonato Espanhol diante do Barcelona. Neste sábado, a equipe da capital espanhola decepcionou no empate por 0 a 0 com o Deportivo La Coruña, resultado que eleva novamente a desvantagem em relação ao líder para sete pontos.

O Real Madrid não pôde reclamar de oportunidades. Além de ótimas defesas do goleiro Aranzubía, a trave do Deportivo La Coruña foi carimbada duas vezes. A mira dos visitantes não estava afinada.

Na classificação, o Real Madrid soma 61 pontos na segunda colocação, contra 68 do Barcelona, que derrubou o Mallorca neste sábado com facilidade. O Deportivo La Coruña está em 13º lugar, com 26.

O Jogo

O confronto no estádio Riazor mostrou desde o início muita disputa no meio-campo, com pouco espaço para as duas equipes. Mas do lado do Real Madrid sobrava qualidade técnica. Na primeira chance, aos 12 minutos, Kaka aproveitou a finta de corpo de Benzema, mas deu azar na finalização.

Mesmo sem um futebol vistoso, o Real Madrid tinha o domínio. Em duas ações seguidas do time da capital, brilhou a estrela do goleiro Aranzubía, que barrou as conclusões de Cristiano Ronaldo e Benzema.

Com a defesa do Deportivo bem postada, o Real Madrid fez uma última tentativa no primeiro tempo. Desta vez, Ozil arriscou uma bomba de fora da área e lamentou ao ver a bola raspar a trave.

AP
O atacante Benzema e o meio-campista Kaká lamentam uma chance de gol desperdiçada pelo Real Madrid em La Coruña
No segundo tempo, o cenário em campo continuou o mesmo, com uma superioridade do Real Madrid pouco convincente. Até que José Mourinho apelou para as alterações, com as entradas de Adebayor e Di Maria nos lugares de Diarra e Kaká.

Nos 15 minutos finais, o Real Madrid adotou a tática do desespero, com o atacante Granero no lugar do lateral esquerdo Marcelo. Aos 33, o gol ficou mais próximo: Adebayor carimbou a trave adversária.

A pressão dos visitantes foi intensificada a partir dos 35 minutos. A trave salvou novamente o Deportivo La Coruña, desta vez no chute de Cristiano Ronaldo. Por fim, Aranzubía barrou o arremate de Dí Maria.

Na próxima rodada do Campeonato Espanhol, no fim de semana que vem, o Real Madrid tenta reencontrar o caminho dos triunfos frente ao Málaga em casa, enquanto o Deportivo La Coruña desafia o Osasuna como visitante.

Leia tudo sobre: espanhareal madridkakáfutebol mundial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG