Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Rafael pega oito pênaltis e ganha elogio de Muricy

Técnico santista destaca desempenho de goleiro, que fez oito defesas em 15 cobranças durante o treino

Samir Carvalho, enviado iG a Assunção |

O técnico Muricy Ramalho destacou a personalidade do goleiro Rafael , um dos principais destaques do Santos nesta temporada. O treinador elogiou o camisa 1 após o último treino da equipe antes do duelo decisivo contra o Cerro Porteño nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília) , no estádio Olla Azulgrana, pelas semifinais da Copa Libertadores da América.

Os jogadores santistas treinaram cobranças de pênaltis, e tiveram dificuldades para superar Rafael. Em 15 cobranças, o camisa 1 fez oito defesas. Zé Eduardo e Elano foram as principais vitimas do goleiro, que defendeu duas cobranças de cada um.

null

“Goleiro tem que ter personalidade, é jogador diferente de todos. Se veste diferente, tem treinador diferente. Fica praticamente sozinho, longe dos outros jogadores. O que é importante demais é a personalidade, além da técnica, que ele tem, pois é muito bem treinado, mas tem algo fundamental no goleiro: personalidade, principalmente em time grande”, afirmou Muricy.

O treinador também amenizou o mau desempenho dos jogadores nas cobranças de pênaltis. “Natural, mas treinamento de pênalti não tem torcida, stress e emocional. No futebol, já vi no treino bater bem, mas na hora errar. É bom ter costume com o gol”, disse.

null

Rafael ficou seis jogos sem sofrer gols nesta temporada. Além disso, o goleiro foi o herói do Santos na classificação da equipe para as quartas de final da Libertadores. O camisa 1 fez diversas defesas no empate sem gols da equipe santista contra o América, do México. Como venceu por 1 a 0 a partida de ida, os santistas se classificaram na ocasião.

Leia tudo sobre: SantosCopa Libertadores 2011Muricy RamalhoRafael

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG