Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Rafael Moura reclama de expulsão: "Mais um exagero contra o Flu"

Atacante levou o vermelho aos 30 minutos do primeiro tempo. Thiago Neves também lamenta arbitragem

iG Rio de Janeiro |

O quinto cartão vermelho do Fluminense em cinco jogos foi acompanhado de muita reclamação dos jogadores do time tricolor. Na vitória de 3 a 2 sobre o Americano, na última quarta-feira, o atacante Rafael Moura foi expulso aos 30 minutos da primeira etapa, após supostamente ter dado uma cotovelada no zagueiro Adalberto.

Leia mais: Com um a menos, Fluminense vence o Americano e segue com chances

Na saída de campo, 'He-man', que havia anotado o primeiro gol da equipe no jogo, disse que o lance foi normal e disse que as arbitragens estão exagerando com o Fluminense.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Tinha a bola dominada e protegi com o corpo, uma jogada normal. Foi mais um exagero contra o Fluminense. Depois a gente fica com imagem de chorão. Estávamos vencendo fora de casa, jogando bem e o árbitro tira um jogador nosso. Isso atrapalha a continuidade do trabalho", lamentou o atacante.

Photocamera
Rafael Moura abriu o placar, mas foi expulso minutos depois

Na volta do intervalo, o próprio jogador atingido, admitiu que o braço de Rafael Moura não tocou seu rosto. "Fui atingido no braço", disse Adalberto. A reclamação de Rafael Moura também foi endossada pelo meia Thiago Neves, autor do segundo gol do Fluminense.

Veja mais: Quase substituído, Wellington Nem celebra insistência pelo 3º gol

"Contra o Fluminense sempre tem alguma coisa, mas não gosto de falar de arbitragem. Acho que ele tem na consciência dele, pode até ver depois o lance, os erros que ele cometeu contra o Fluminense e não prejudique a gente no próximo jogo que apitar", declarou Thiago Neves.

Leia também: Com muitas opções, Flu ainda busca entrosamento e pena no Carioca

Na última segunda-feira, o Fluminense entrou com um pedido de exoneração do presidente da Comissão de Arbitragem da Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj), Jorge Rabello. A polêmica começou após o time comandado por Abel Braga reclamar da arbitragem de Antônio Schneider no clássico contra o Vasco. Rabello elogiou o árbitro e disse que o Fluminense buscava desculpa pelas derrotas.

Ajude o time do Fluminense a subir no ranking da Torcida Virtual

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG