Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Rafael diz que Santos não irá montar retranca contra o Peñarol

Goleiro disse que o time brasileiro vai manter suas características e buscar o gol em Montevidéu

Gazeta |

O Santos enfrenta o Peñarol, nesta quarta-feira, às 21h50 (horário de Brasília), no Estádio Centenário de Montevidéu (Uruguai), no jogo de ida das finais da Copa Libertadores da América. Mas, apesar de a decisão do título ser apenas na partida do dia 22 de junho, no Pacaembu, o goleiro Rafael prometeu que seu time não irá montar uma retranca para conter o ímpeto ofensivo dos uruguaios.

Segundo o camisa 1 santista, o time vai jogar como se acostumou a fazer durante toda a competição: em busca do gol. "A gente veio aqui para ganhar. Sabemos que é um jogo difícil, porém, o nosso objetivo é vencer", afirmou.

Apesar de ter destacado a vontade dos santistas de alcançar um triunfo na capital uruguaia, Rafael contou que o Santos não irá se lançar desordenadamente ao ataque. O goleiro também rechaçou que a expectativa de 60 mil torcedores comparecerem ao Estádio Centenário para apoiar o Peñarol possa intimidar a sua equipe durante o jogo.

"Temos que atuar com inteligência. Temos 180 minutos para sermos campeões. Sabemos que a pressão da torcida do Peñarol será grande, mas estamos preparados para isso. É normal a torcida incentivar o seu time, fazer a parte dela. Na arquibancada eles podem fazer bonito, só que no campo são 11 contra 11. Quem tiver em um melhor dia e demonstrar mais personalidade, irá vencer", concluiu Rafael.

Leia tudo sobre: SantosLibertadoresRafaelfinalPEÑAROLGENET

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG