Comprometido , Reina nega que deixará o Liverpool - Futebol - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Comprometido, Reina nega que deixará o Liverpool

O time inteiro e todo staff estão trabalhando muito duro para que possamos voltar a lutar pelo topo da tabela, afirmou o goleiro, focado no Campeonato Inglês

Agência Estado |

O goleiro Pepe Reina revelou, nesta sexta-feira, que não tem interesse em deixar o Liverpool em janeiro, como chegou a ser noticiado pela imprensa inglesa. O jogador espanhol negou que esteja infeliz no clube que defendeu nas 18 das 21 partidas da equipe nesta temporada do futebol europeu.

No final do mês passado, o jornal "Daily Mirror" noticiou que Reina e seu compatriota Fernando Torres deixariam o Liverpool em dezembro devido a um acordo feito na última janela de transferências internacionais. De acordo com o periódico inglês, os dois jogadores estariam insatisfeitos com os baixos investimentos do clube, que acumulou enormes dívidas e foi adquirido no mês passado pelo principal acionista do grupo NESV (New England Sports Ventures), John Henry, em um negócio que girou em torno de 300 milhões de libras (cerca de R$ 830 milhões).

Para completar, o jornal ainda disse que Reina não teria um bom relacionamento com o técnico Roy Hodgson, fato que foi negado pelo próprio treinador. Em entrevista ao site do Liverpool, o goleiro fez o seguinte comentário para esclarecer os boatos de que teria interesse em deixar o clube: "Isso é completamente falso".

"Eu não disse para o técnico (Roy Hodgson) que eu gostaria de sair em janeiro ou em qualquer outra data. É importante que nossos torcedores saibam disso", ressaltou Reina, que depois acrescentou: "Eu tenho um longo contrato com o Liverpool e estou totalmente comprometido com o clube".

Reina ainda revelou que ficou empolgado com a conversa que teve com o novo mandatário do clube, John Henry. "Nosso novo proprietário encontrou comigo e alguns outros jogadores na semana passada e eu fiquei muito feliz com que ele me falou", disse Reina, negando que a possível falta de investimentos no clube para a temporada teria o motivado a procurar outros times para atuar.

"O time inteiro e todo staff do Liverpool estão trabalhando muito duro para que possamos voltar a lutar pelo topo da tabela (do Campeonato Inglês). Nós (jogadores) não seremos distraídos por especulações imprecisas da mídia", finalizou.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG