Treinador não conseguiu repetir nesta remporada o bom desempenho que teve à frente do clube em 2009

selo

O técnico Quique Sanchez Flores anunciou neste sábado que deixará o comando do Atlético de Madri ao fim do seu contrato, que se encerra nesta temporada. O treinador avisou que a partida deste domingo, contra o Hércules, será a sua última no Estádio Vicente Calderón.

Com passagens por Getafe e Valencia, Sanchez Flores assumiu o Atlético em outubro de 2009, em substituição de Abel Resino. O time estava em má fase na temporada, flertando com as últimas posições do Campeonato Espanhol. O novo treinador, porém, resgatou a equipe e conquistou o título da Liga Europa e da Supercopa da Europa, ao vencer a Inter de Milão . Também levou o Atlético à final da Copa do Rei.

O técnico, porém, não conseguiu repetir o feito nesta temporada. Atual campeão, o Atlético foi eliminado logo na fase de grupos da Liga Europa e tem apresentado um futebol irregular no Espanhol. Faltando duas rodadas para o fim do campeonato, o time ocupa a sétima colocação da tabela e precisa vencer seus últimos jogos e ainda torcer por um tropeço dos rivais para ficar com uma vaga na próxima Liga Europa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.