Treinador do Botafogo tem aproveitamento regular e deve ser mantido mesmo com derrota para o Avaí

Caio Júnior tem sido questionado pela torcida
Futura Press
Caio Júnior tem sido questionado pela torcida
A paz entre a torcida do Botafogo e o técnico Caio Júnior durou apenas duas derrotas. As quedas para Corinthians e Atlético-PR , nas duas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro, causaram vaias e pedidos de contratação do técnico Cuca . Porém, apesar de questionado pela torcida, o aproveitamento de Caio Júnior a frente da equipe carioca é regular, perto do necessário para buscar a classificação à Copa Libertadores.

Siga o iG Botafogo no Twitter e receba notícias do time em tempo real

Na 8ª colocação, com 16 pontos, o Botafogo tem um aproveitamento de 48% dos pontos, próximo dos 60%, estabelecido pela comissão técnica no início do Campeonato Brasileiro. Em comparação ao ano anterior, a situação é ainda mais confortável. Em 2010, sob o comando do técnico Joel Santana, o clube somava 12 pontos, na 17ª colocação, dentro da zona de rebaixamento.

Planejamento e apoio do elenco
Entre os trunfos para se manter no cargo, Caio Júnior conta com a vontade da diretoria em mudar o estilo de jogo do Botafogo. Em relação ao ano passado, a equipe apresenta médias melhores em posse de bola, passes e dribles certos. O treinador também participou da escolha dos reforços, pedindo a contratação do atacante Alexandre Oliveira e do zagueiro Gustavo, além de ter aprovado os nomes do meia Felipe Menezes e do volante Léo.

Entre para a Torcida Virtual do Botafogo e convide seus amigos

O treinador também conta com o apoio dos jogadores. Defendido pelos atletas após as duas últimas derrotas, Caio Júnior tem bom relacionamento com o grupo, principalmente com os líderes do elenco, como o goleiro Jefferson, o volante Marcelo Mattos, o zagueiro Antônio Carlos e o lateral-direito Alessandro.

Nesta segunda-feira, um importante integrante da diretoria revelou ao iG que o departamento de futebol quer aguardar a volta de Loco Abreu e dos jogadores contundidos para que Caio Júnior possa trabalhar com o elenco completo. Os dirigentes entendem que a equipe está em processo de formação, que não deve ser alterado agora. Inicialmente, mesmo com derrota para o Avaí nesta quarta-feira, o treinador deverá ser mantido no cargo.

Torcida e ano eleitoral
Se tem o apoio da maior parte da diretoria e dos jogadores, o treinador sofre com a impaciência da torcida, que após a derrota para o Atlético-PR, no último sábado, começou a promover uma campanha em redes sociais pedindo a saída do técnico. No Twitter, a expressão #foracaiojunior se tornou um dos tópicos mais comentados.

O fato do Botafogo viver um ano eleitoral também pode pesar para uma saída prematura do técnico. Apesar de ainda não admitir que irá concorrer a reeleição, o presidente Maurício Assumpção sabe que o bom desempenho do time em campo reflete a disputa nas urnas. Conselheiros do clube também passaram a questionar o trabalho do treinador após quatro jogos sem vitória.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.