Tamanho do texto

Lateral demonstra que acordo com clube goiano já aconteceu, embora agremiação paulista ainda não confirme

O São Paulo ainda não confirma oficialmente o negócio, mas Diogo está muito próximo de ter sua transferência para o Goiás anunciada. Nesta sexta-feira, no CCT da Barra Funda, o atleta já cumprimentou seus companheiros e membros da comissão técnica, como o treinador Paulo César Carpegiani e o auxiliar Milton Cruz.

Na quarta-feira, a diretoria do clube tricolor informou que o empréstimo do lateral esquerdo até dezembro ao clube de Goiânia dependia apenas do acerto dos cartolas da equipe esmeraldina com o jogador. Pelo que Diogo demonstrou, o acordo salarial já ocorreu, mas o São Paulo alega ainda não ter sido comunicado.

Com contrato até 2015, o lateral esquerdo, formado nas categorias de base do Tricolor, recebeu oportunidades no início desta passagem de Carpegiani, em outubro. Chegou a ser titular na estreia do treinador. Diogo, no entanto, não correspondeu. O comandante preferiu improvisar o volante Richarlyson até o fim de 2010 e pediu a contratação de Juan.

Diogo quase foi parar no Flamengo em janeiro, mas o clube rubro-negro não conseguiu se acertar com o clube do Morumbi. No início de 2010, o jogador, de 21 anos, esteve afastado do elenco porque entrou na Justiça para anular o vínculo que tinha com o tricolor. Semanas depois, retirou a ação e se disse arrependido.

Ele deve ser o segundo nome da posição a deixar o Morumbi nesta temporada. Com Juan como titular e Junior Cesar próximo de retornar após contusão sofrida em outubro, Carpegiani também liberou Carleto, emprestado ao Olimpia, do Paraguai. A terceira opção na lateral esquerda passará a ser Henrique Miranda, de 17 anos, que disputou a Copinha em janeiro e já está treinando com o grupo principal.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.