Espanhóis e alemães se enfrentam na última rodada pela segunda vaga da chave na Liga Europa. A partida será em Sevilha

Paris Saint-Germain e Sevilla entraram em campo nesta quinta-feira dispostos a garantir classificação antecipada para a próxima fase da Liga Europa. Com uma grande disposição das duas equipes, o primeiro tempo foi alucinante desde o começo. Após abrir dois gols de vantagem, o PSG cedeu o empate aos espanhóis, mas recuperou a dianteira ainda na etapa inicial e alcançou uma vitória por 4 a 2 que acabou garantindo sua vaga no grupo J da competição.

Os gols do time francês foram marcados por Bodmer, Hoarau (dois) e pelo brasileiro Nenê, enquanto Kanouté anotou os dois dos espanhóis. Com o resultado, o PSG foi a 11 pontos ganhos e o Sevilla permaneceu com nove. Por essa razão, o time espanhol ainda tem a sua vaga ameaçada pelo Borussia Dortmund, que venceu o Karpaty Lviv por 3 a 0, na Alemanha, e alcançou os oito pontos ganhos.

Na última rodada da fase de grupos da Liga Europa, no próximo dia 15, o PSG irá até a Ucrânia para enfrentar o Karpaty, enquanto Sevilla e Borussia Dortmund farão duelo decisivo pela segunda vaga na Espanha. Para os espanhóis, o empate já é suficiente.


O jogo
O Sevilla começou assustando os donos da casa com chutes de longa distância. Aos dois e aos seis minutos, Renato e Romaric, respectivamente, arriscaram para o gol. O PSG, no entanto, teve mais eficiência, e chegou ao gol logo em sua primeira jogada perigosa. Aos 17 minutos, após cobrança de escanteio, o meia Bodmer aproveitou desvio e, dentro da pequena área, abriu o placar para os franceses.

Sem dar chance para a reação adversária, o PSG se aproveitou de mais uma cobrança de escanteio para aumentar o placar. Aos 20 minutos, o atacante Hoarau subiu mais do que a zaga do Sevilla e cabeceou no canto direito do goleiro Palop para fazer o segundo dos mandantes.

Buscando a reação, o Sevilla contou com um inspirado Kanouté para empatar a partida. O atacante de Mali recebeu cruzamento de Capel aos 32 minutos e fez o primeiro dos espanhóis, em uma cabeçada sem chances para Edel. Cinco minutos depois, o mesmo jogador aproveitou jogada pela esquerda de Perotti e desviou com a sola do pé, na pequena área, para empatar a partida.

Quando parecia que o primeiro tempo iria terminar empatado, o brasileiro Nenê apareceu na partida. Aos 45 minutos, o meia dominou a bola perto da meia-lua e bateu de canhota no canto direito de Palop, que sequer se mexeu e só olhou a bola ir parar no fundo das redes, decretando a vitória parcial dos franceses.

Na volta para o segundo tempo, o Paris Saint-Germain deu um grande passo para garantir a vitória quando ampliou o plcar logo aos dois minutos. O zagueiro Cáceres, do Sevilla, errou a saída de bola e o atacante Hoarau acabou saindo cara a cara com o goleiro espanhol. Sem vergonha de jogar feio, o centroavante deu um bico na bola e ampliou o placar para 4 a 2.

Tentando buscar ao menos o empate, o Sevilla não conseguiu pressionar o PSG. Em uma boa chance aos 14 minutos, o zagueiro Escude quase marcou de cabeça, mas a defesa conseguiu afastar o perigo.


Borussia vence e se mantém vivo
O Borussia Dortmund sabia que precisava de uma vitória nesta quinta-feira para se manter com chances de classificação para a próxima fase da Liga Europa. Atuando na Alemanha, a equipe não tomou conhecimento do Karpaty Lviv, lanterna do grupo J, sem nenhum ponto ganho, e fez 3 a 0 com Kagawa, aos cinco minutos do primeiro tempo, Hummels, aos quatro, e Lewandowski, aos 44 da etapa final.

Para seguir adiante na competição, o time alemão precisa vencer o Sevilla na última rodada. Se empatar ou perder o duelo na Espanha, o líder da Bundesliga dá adeus à Liga Europa.


CSKA continua 100%
Em jogo realizado na cidade de Moscou o CSKA bateu o lanterna Lausanne-Sports por 5 a 0, com gols de Necid (dois), Sekou, Tosic e Dzagoev. Com o resultado, o time russo manteve-se com 100% de aproveitamento e chegou aos 15 pontos, garantido na liderança do grupo F. Com apenas um ponto, o time suíço deu adeus a quaisquer chances de classificação para a próxima fase da Liga Europa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.