Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Protestos contra Ronaldinho Gaúcho começam cedo no Olímpico

Torcida do Grêmio traz faixas, notas, camisetas e até canta contra meia do Flamengo

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

Hector Werlang
Amigos reclamam de postura de Ronaldinho
O rival até pode ser o Flamengo, neste domingo, a partir das 16h, no Olímpico, porém, a torcida do Grêmio quer mesmo é enfrentar Ronaldinho Gaúcho. Faltando cerca de quatro horas para a partida, as cercanias do estádio estão tomadas por homens, mulheres e crianças. Todos carregam algum material contrário ao antigo ídolo.

Twitter iG Grêmio: Notícias e comentários em tempo real

Uma música até foi composta: “Hoje é uma data especial, você não pode perder, Ronaldo vai morrer, Ronaldo vai morrer”. É cantando, em ritmo de marchinha de carnaval, que três amigos trouxeram um cartaz que resume o sentimento de traição em relação ao jogador: “Não joguem moedas no Ronaldinho. Senão, ele junta”.

Hector Werlang
Até Assis foi lembrado pelos gremistas
A criatividade vai além. Em outra faixa, Roberto de Assis Moreira, irmão e empresário de R10, também é “homenageado”. Notas de R$ 100 foram adaptadas: “República dos Mercenários do Brasil”, “100 Caráter, Não vale Nada”, “Ronaldinho Carioca” e “Nem Judas traiu duas vezes” estampam um papel retangular com o rosto do alvo.

Tudo isto transforma um jogo quase sem importância na tabela para o Grêmio em uma partida com clima de final de campeonato. Afinal, vale muito para a torcida: ela ainda não esqueceu a troca pelo PSG, em 2001, e a preferência ao Flamengo, em janeiro, ao retornar ao Brasil. Tanto que 45 mil pessoas são esperadas. Para infernizar a vida de Ronaldinho.

Entre para a Torcida Virtual e convide seus amigos

 

Leia tudo sobre: grêmiobrasileirão 2011ronaldinho gaúchoflamengo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG