Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Proposta do West Ham pelo Estádio Olímpico agrada Sebastian Coe

Presidente do Comitê Organizador dos Jogos de Londres gostou do projeto da equipe para o estádio

AE |

selo

O ex-atleta Sebastian Coe, presidente do Comitê Organizador dos Jogos de Londres, saiu em defesa da proposta do West Ham para administrar o novo Estádio Olímpico após a realização da Olimpíada de 2012. O outro candidato é o Tottenham, numa disputa que deve ter o vencedor anunciado na sexta-feira.

Com capacidade para 80 mil pessoas, o Estádio Olímpico está sendo construído para ser a principal instalação da Olimpíada de Londres. Será o palco das cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos, além de receber as competições de atletismo. Mas terá administração privada após o evento.

Dois clubes da primeira divisão do futebol inglês fizeram proposta para ser responsável pela administração do estádio. No caso do Tottenham, o projeto prevê acabar com a pista de atletismo e dedicar o local apenas para o futebol. Enquanto isso, o West Ham promete manter a pista de atletismo.

Por conta disso, Coe diz preferir a proposta do West Ham. Segundo ele, acabar com a pista de atletismo no Estádio Olímpico iria trair uma das promessas de legado feitas pela candidatura de Londres quando ganhou a eleição para ser sede da Olimpíada. Mas o dirigente não participa dessa decisão.

"É algo muito sério não entregarmos aquilo que prometemos entregar, vai jogar nossa reputação internacional no lixo. Fizemos um compromisso de deixar um legado e isso é muito importante. E a proposta do West Ham traz esse compromisso", afirmou Coe, que já foi campeão olímpico no atletismo.

Leia tudo sobre: futebol mundialinglaterratottenham

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG